Meteorologia

  • 05 JUNHO 2020
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

Espanha ultrapassou os 6.500 mortos. Houve mais 838 vítimas mortais

Há, em Espanha, 78.797 casos do novo coronavírus. Em 24 horas, morreram mais 838 pessoas que estavam infetadas pela Covid-19.

Espanha ultrapassou os 6.500 mortos. Houve mais 838 vítimas mortais

As autoridades espanholas revelaram que morreram, em 24 horas, mais 838 pessoas que estavam infetadas pelo novo coronavírus. Nesta pandemia, este é o número de vítimas mortais mais alto que o país já contabilizou em 24 horas.

No total, 6.528 pessoas já perderam a vida no país, enquanto 78.797 foram infetadas. Os dados mais recentes, citados pelo El País, dão ainda conta que foram admitidos nos cuidados intensivos 4.907 doentes e que 14.709 pessoas estão curadas, depois de terem testado positivo para a Covid-19. 

Este domingo, revela o jornal espanhol, o governo aprovará, em Conselho de Ministros extraordinário, medidas mais restritivas em relação ao isolamento social. 

Pedro Sánchez indicou, no sábado, que "todos os trabalhadores de atividades não essenciais devem ficar em casa". Já Fernando Simóndiretor do Centro de Coordenação de Emergências de Saúde, vincou que o país está a chegar "ao pico" que tanto preocupa as autoridades de saúde. 

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, já infetou mais de 640 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 30.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório