Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2019
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

"Sinto-me em casa". Após 21 dias no Atlântico, Greta atraca em Lisboa

A jovem foi recebida na Doca de Santo Amaro pelo presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, e por jovens ativistas portugueses.

"Sinto-me em casa". Após 21 dias no Atlântico, Greta atraca em Lisboa

Greta Thunberg, a jovem sueca de 16 anos, que se tornou numa das vozes mais conhecidas na defesa do ambiente e que inspira milhares de jovens (e não só) por todo o mundo - tendo estado na origem das greves climáticas à escala global -  atracou em Lisboa. 

Chegou a bordo do La Vagabonde, um catamarã que pertence ao casal australiano Riley Whitelum e Elayna Carausu. Os dois — e o filho de 11 meses — dedicam-se a viajar pelo mundo através de doações feitas numa página de crowdfunding. Greta veio ainda acompanhada pelo pai, Svante Thunberg, e pela marinheira Nikki Henderson.

Acompanhe aqui a chegada de Greta Thunberg ao minuto:

15h30 - Marcelo Rebelo de Sousa elogiou esta terça-feira a jovem ativista ambiental sueca Greta Thunberg, descrevendo-a como "um símbolo de juventude, de futuro, de luta", mas reiterou que recusa "tirar proveito político" da sua passagem por Portugal.

13h52 - Durante as questões feitas pelo público, incluindo alguns jornalistas, Greta deu conta de que não deverá ir para Madrid já esta noite. “Neste momento vou ficar em Lisboa alguns dias, vou tentar organizar-me,  não tenho visto notícias, tenho estado debaixo de uma pedra, por isso quero saber o que se passa e ter tudo o que preciso e depois irei para Madrid para a marcha na sexta-feira", garantiu.

"Depois não sei, terei de fazer um horário para a COP25 e no fim vou para casa passar o Natal”, revelou a jovem com um sorriso.

Instada a comentar a forma como alguns adultos a veem como uma criança zangada, respondeu que "as pessoas subestimam a força das crianças zangadas", acrescentando: "Estamos zangados, frustrados, por uma boa razão. Se querem que deixemos de estar zangados, parem de nos tornar zangados".

13h35 - "Em primeiro lugar quero agradecer a todos por estarem aqui a receberem-me. É ótimo ser recebida assim", começa por dizer a pequena ativista Greta Thunberg, continuando a agradecer aos companheiros de viagem e a todos os que a receberam e ajudaram durante o percurso.

"É uma honra ter chegado à bela Lisboa, em Portugal. Depois de estar isolada durante 3 semanas, num espaço limitado e sem coisas para fazer, sinto-me relaxada de certa forma", continuou. "Mas chegar aqui e ter esta gente toda a cumprimentar-nos... os nossos cérebros ainda não estavam preparados para isso".

A jovem deu ainda conta de que "é fantástico voltar à Europa, sinto-me em casa outra vez". "Mas eu tal como qualquer ativista climático não vamos parar, vamos continuar a viajar e por pressão nos responsáveis para garantir que põem esta luta em primeiro lugar", deu ainda conta.

"Temos de lutar não só por nós, mas pelos nosso filhos e netos. Todos temos de fazer tudo o que esteja ao nosso alcance para garantir que estamos do lado certo da história", frisou Greta.

"Esta viagem tem sido ótima, precisávamos de tempo de descontração para pensar, especialmente eu para pensar em tudo o que tem acontecido. Sinto-me com energia para continuar", rematou.

13h19 - "Quero dizer em nome de toda a cidade que é um enorme privilégio ter-te aqui", diz Fernando Medina ao receber Greta em Lisboa. "É um enorme privilégio ter entre nós quem tem sido uma das mais relevantes vozes, que luta na mais decisiva batalha que enfrentamos hoje juntos: o combate às alterações climáticas. Bem-vinda!", sustentou o autarca, na conferência de imprensa conjunta que se seguiu logo após a ativista ter desembarcado. O presidente da Câmara de Lisboa reforçou que queria que Greta soube que a capital está seriamente "comprometida" em tomar "ações concretas" para travar as alterações climáticas. Fernando Medina terminou o discurso desejando que a jovem, "quando pense em Lisboa, pense como se fosse a sua casa". 

O presidente da Câmara de Lisboa terminou o discurso desejando que a ativista, "quando pensar em Lisboa, pense como se fosse a sua casa". 

13h18 - Greta Thunberg chega ao pé das dezenas de pessoas que a esperam no porto. Ouve-se uma grande salva de palmas e vários gritos de contentamento pela sua chegada.

13h10 - Acompanhada pelo cartaz que utilizou, em agosto de 2018 em frente ao Parlamento sueco, onde é possível ler: "Skolstrejk for klimatet" ou "Greve às aulas pelo Clima", Greta começa a sair da embarcação onde viajou durante 21 dias desde o estado norte-americano da Virginia até Lisboa.

12h51 - Ao chegar a Lisboa, a jovem utilizou as redes sociais para dar conta da sua chegada.

12h46 - Embarcação de Greta Thunberg acaba de atracar na Doca de Santo Amaro. De terra ouvem-se vários aplausos e gritos de boas-vindas à jovem.

12h32 - Chegada deverá acontecer daqui a minutos, o veleiro passou agora pelo Museu da Eletricidade.

12h28 - Depois de Greta chegar à Doca de Santo Amaro vai ser recebida pelo presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, e pelo presidente da Comissão Parlamentar do Ambiente, ainda dentro da embarcação. De seguida irá subir até terra firme para dar uma conferência de imprensa para as dezenas de pessoas que a esperam de braços abertos.

12h20 - O catamarã 'La Vagabonde' onde segue a jovem ativista já entrou no estuário do Tejo e passa ao largo do Padrão dos Descobrimentos. Há um reboque que viaja perto da embarcação para ajudar à aproximação ao porto, tendo em conta que viajam apenas com o vento e sem auxílio de motores. 

12h - Greta ainda deve demorar a chegar à Doca de Santo Amaro devido aos ventos e pelo atraso da viagem a ativista também não irá - como chegou a ser anunciado - marcar presença na Assembleia da República. Recorde também que Marcelo Rebelo de Sousa não estará no local a receber a jovem, pois apesar de saudar a sua chegada considerou que a sua intervenção poderia ser considerada um "aproveitamento político".

11h47 - O presidente da Câmara de Lisboa, que irá receber pessoalmente a jovem ativista, encontra-se no local e, em declarações à TVI24, Fernando Medina adiantou que quer, primeiramente, agradecer a Greta o papel que tem desempenhado "na liderança e sensibilização" relativamente ao que é a "batalha mais decisiva que enfrentamos". O autarca frisou também que quer informar a jovem sueca de "em Lisboa estamos muito empenhados em fazer a nossa parte, o nosso melhor para contribuirmos para o combate às alterações climáticas". 

10h53 - Agora que Greta Thunberg está mesmo a chegar, recorde que a jovem celebrizou-se em todo o mundo por ter iniciado no seu país as greves pelo clima, em protesto contra a falta de medidas políticas para fazer face às alterações climáticas. A ativista passa pela capital portuguesa porque está a caminho de Madrid, em Espanha para participar na COP25, a cimeira do clima que junta representantes de quase 200 países.

10h42 - Dezenas de pessoas estão desde o início da manhã concentradas na Doca de Santo Amaro, em Lisboa, à espera de Greta Thunberg, que chega hoje a Portugal, após atravessar o Atlântico em catamarã.

10h25 - A comunista Alma Rivera junta-se aos vários deputados portugueses que aguardam a chegada de Greta a Lisboa. Às televisões, a política destacou que o sistema vigente "não visa satisfação ds necessidades humanas".

10h20 - Veja aqui as imagens da chegada da jovem sueca à Doca de Santo Amaro.

10h10 - A Associação Zero também está na Doca de Santo Amaro. Pedro Barata focou a importância da luta da jovem denotando que o facto de Greta ter atravessado o oceano num catamarã "é uma grande mensagem". 

10h00 -  Tal como previsto, também a deputada do partido ecologista Os Verdes se juntou aos que esperam a ativista. Sobre as alterações climáticas, Mariana Silva destacou que "temos de passar do papel para a prática". 

9h52 - O deputado mais novo do PSD, Hugo Carvalho também já se encontra no local para receber a ativista. Aos jornalistas, o representante que foi encabeçou a lista do Porto nas legislativas afirmou que o partido marca presença nesta receção "pela causa, mas também pela Greta". 

9h50 - A deputada única do Livre, Joacine Katar Moreira, também não faltou à chegada da pequena ativista a Lisboa e destacou a responsabilidade que as sociedades têm em combater as alterações climáticas. "Necessitamos de nos erguer enquanto sociedade para defender o planeta, enquanto o futuro e uma herança", afirmou Joacine aos jornalistas. 

9h40 - Greta falará aos jornalistas numa conferência de imprensa desde a Doca de Lisboa e depois irá descansar para um hotel. Depois, segundo o El País, apanhará o comboio noturno às 21h25 a partir de Lisboa e que chegará a Madrid pelas 8h40 de quarta-feira (horas locais).

9h28 - No mesmo dia em que a ativista sueca chega a Lisboa, a Organização Mundial de Meteorologia, das Nações Unidas, lançou o alerta de que a temperatura na década atual pode atingir um novo recorde frisando que o aquecimento global está a ficar mais elevado.

9h20 - O mundo está literalmente de olhos postos na jovem ativista, com muitos meios de comunicação social a acompanhar a chegada de Greta a Lisboa, como é o caso do espanhol El Pais e do italiano La Repubblica, cujos diretos pode ver abaixo.

9h15 - Entre quem espera por Greta Thunberg na doca de Santo Amaro está André Silva, deputado e porta-voz do Pessoas-Animais-Natureza (PAN). "Quisemos apoiar a coragem que Greta tem tido", revelou em declarações aos jornalistas no local.

9h05 - A momentos da sua chegada à Doca de Santo Amaro o entusiamo já é muito. Há centenas de pessoas à espera de Greta Thunberg e a jovem resolveu partilhar imagens da sua chegada na rede social Twitter.

Para ir até aos Estados Unidos para a Cimeira do Clima das Nações Unidas, em Nova Iorque, a 23 de setembro, Greta já tinha utilizado outro veleiro, o Malizia II, da família real do Mónaco.

A jovem foi recebida esta terça-feira em Lisboa, junto da Doca de Santo Amaro, pelo presidente da Câmara da capital, Fernando Medina, e por jovens ativistas portugueses. O presidente da comissão parlamentar de Ambiente, o deputado do Bloco José Maria Cardoso, também recebeu a ativista, assim como a deputada Maria Manuel Rola e o vereador na Câmara de Lisboa, Manuel Grilo.

A deputada do Partido Ecologista 'Os Verdes' Mariana Silva também participou na receção.

Por seu lado, o Presidente da República saudou a chegada da ativista a Lisboa, mas não irá cumprimentar a jovem à Doca de Alcântara por considerar que poderia "ser considerado aproveitamento político".

Greta deve partir de comboio ainda hoje para Madrid, para participar na COP25, que começou na segunda-feira e que junta representantes de quase 200 países, signatários do Acordo de Paris, de redução das emissões de gases com efeito de estufa.

[Notícia atualizada às 15h30]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório