Meteorologia

  • 14 DEZEMBRO 2019
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Este ano vai nas 46 semanas e EUA registaram (já) 44 tiroteios em escolas

Tiroteio ocorrido esta quinta-feira num liceu de Santa Clarita, em Los Angeles, tirou a vida a dois estudantes. Tragédia vem adensar a discussão em torno do controlo de armas nos Estados Unidos.

Este ano vai nas 46 semanas e EUA registaram (já) 44 tiroteios em escolas
Notícias ao Minuto

17:02 - 15/11/19 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Tiroteios EUA

A imprensa norte-americana fez esta sexta-feira, no rescaldo de mais um tiroteio numa instituição de ensino, um balanço sobre o número de ocorrências do género. De acordo com a CNN, em 46 semanas volvidas este ano de 2019, aconteceram já 44 tiroteios em escolas, o que dá uma média de quase um incidente por semana.

A publicação esclarece que, entre os 44 incidentes, 32 ocorreram em instituições que vão desde o infantário até ao 12.º ano.

Não existindo, ainda, definição para o que constitui um tiroteio numa escola, a estação norte-americana utilizou, por exemplo, os seguintes parâmetros: tem que existir pelo menos uma pessoa baleada (sem contar com o atirador); tem que ocorrer em propriedade escolar, o que incluiu os autocarros escolares; inclui também disparos acidentais, desde que os dois primeiros pontos se verifiquem.

Recorde-se que, esta quinta-feira, por volta das 7h30 (hora local, 15h30 em Lisboa), um estudante de 16 anos entrou no liceu Saugus, em Santa Clarita, a 48 quilómetros do centro de Los Angeles, e disparou sobre os colegas, atirando depois sobre si próprio. Uma rapariga de 16 anos e um rapaz de 14 morreram, três adolescentes estão hospitalizados e o suspeito está em estado crítico.

A pistola semiautomática de calibre 45 foi encontrada pela polícia no local, completamente descarregada. Suspeito, que já foi identificado como sendo o aluno Nathaniel Berhow, entrou na escola com a arma na mochila. Fez 16 anos no dia do ataque.

O incidente adensará a discussão em torno do controlo de armas nos Estados Unidos, que tem sido uma constante de há alguns anos a esta parte, com incidentes como os das escolas de Columbine e Parkland a serem lembrados pelos defensores de controlo mais apertado nas leis relativas ao porte de armas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório