Meteorologia

  • 14 OUTUBRO 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Juncker convicto de que Von der Leyen será "uma grande presidente"

O até agora líder da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, que será sucedido no cargo pela alemã Ursula Von der Leyen, hoje eleita, congratulou a sucessora, a primeira mulher no cargo, afirmando estar convicto de que "será uma grande presidente".

Juncker convicto de que Von der Leyen será "uma grande presidente"

"Parabéns Ursula Von der Leyen. Finalmente, uma mulher está à frente da Comissão Europeia", reagiu Jean-Claude Juncker numa publicação feita em alemão e inglês através da rede social Twitter.

O líder do executivo comunitário acrescentou que "este trabalho é uma enorme responsabilidade e um desafio".

"Tenho a certeza de que será uma grande presidente. Bem-vinda a casa", adiantou.

A ex-ministra da Defesa alemã e uma das vice-presidentes da União Democrata-Cristã (CDU, a força política de Merkel) Ursula Von der Leyen foi hoje eleita para a presidência da Comissão Europeia pelo Parlamento Europeu, ao recolher no hemiciclo de Estrasburgo (França) 383 votos a favor, 327 contra, 22 abstenções e um nulo.

Candidata indigitada pelo Conselho Europeu para a presidência da Comissão Europeia, a conservadora Von der Leyen, 60 anos, irá assim suceder, em 01 de novembro, ao luxemburguês Jean-Claude Juncker, que liderou o executivo comunitário nos últimos cinco anos, tornando-se na primeira mulher a ocupar o cargo.

A nova presidente da Comissão Europeia precisava de pelo menos 374 votos para ser eleita - metade dos eurodeputados mais um -, tendo superado a maioria absoluta por apenas nove votos.

Segue-se agora o processo de composição do novo Colégio de Comissários, que será submetido a um voto de aprovação em outubro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório