Meteorologia

  • 22 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

Esta descoberta ajuda a explicar os limites de habitabilidade da Terra

Pequenos microrganismos foram descobertos num dos ambientes mais extremos do planeta, o vulcão Dallol, na Etiópia, sendo esta uma importante descoberta para entender os limites de habitabilidade da Terra e fora dela.

Esta descoberta ajuda a explicar os limites de habitabilidade da Terra
Notícias ao Minuto

14:18 - 27/05/19 por Lusa

Mundo Terra

Esta descoberta, publicada hoje na revista Nature Scientif Reports, foi liderada por cientistas espanhóis do Centro de Astrobiologia que agrega o Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC) e o Instituto Nacional de Técnica Aeroespacial (INTA).

A região geotérmica de Dallol, situada na depressão de Dankil, encontra-se entre 124 e 155 metros abaixo do nível do mar e é considerada um dos ambientes mais extremos e mais quentes do planeta.

Neste lugar, os investigadores encontraram estruturas muito pequenas enterradas dentro de depósitos minerais, que são a primeira prova da existência de vida nesta região.

"Descobrimos, pela primeira vez, a evidência morfológica e molecular de 'nanomicroorganismos termo-haloacidófilos' (amantes de altas temperaturas, alta salinidade, da presença de sais e metais e de baixos valores de pH) neste novo ambiente múltiplo extremo", afirmou o chefe da investigação, Felipe Gómez.

De acordo com o cientista, estes microrganismos são "pequenas bactérias" que pertencem à ordem 'Nanohaloarchaea', apesar de não se descartar a hipótese de serem novos microrganismos não descritos até ao momento.

Este ambiente extremo situa-se na depressão de Afar, um fundo marinho no córtex terrestre que se localiza na convergência de três placas tectónicas terrestres -- a placa Núbia, a Somali e a Arábia.

Estas placas têm, em alguns pontos, um córtex continental muito fino (menos de 15 km de espessura) e magma -- lava retida no subsolo -- entre três a cinco quilómetros de profundidade.

A interação entre os depósitos de sal e o vulcanismo deu origem a águas termais, excecionalmente ácidas e salgadas, cujas temperatura máximas são entre 90º e 109ª Celsius.

Os resultados deste estudo têm importantes implicações na compreensão dos limites ambientais da vida, proporcionando informação útil para avaliar a habitabilidade da Terra e de outras partes do Sistema Solar, como Marte.

Este estudo pode também ser um importante passo na seleção de sítios de aterragem para futuras missões que pretendam detetar vida.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório