Meteorologia

  • 16 JUNHO 2019
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 25º

Edição

Viúva processa Boeing em quase 250 milhões por queda de avião na Etiópia

Morreram 157 pessoas no voo que se despenhou em março passado.

Viúva processa Boeing em quase 250 milhões por queda de avião na Etiópia

A viúva de um passageiro que perdeu a vida num desastre aéreo vai avançar com um processo multimilionário contra a fabricante do avião.

Em março passado, um Boeing 737 MAX despenhou-se na Etiópia, custando a vida a 157 pessoas, entre passageiros e membros da tripulação.

Este desastre aéreo tratou-se da segunda queda no espaço de meses envolvendo aquele que era o modelo mais recente da fabricante Boeing.

Uma falha técnica terá estado na origem da queda do avião. Os casos ainda estão sob investigação mas as dúvidas levantadas levaram a que todos os Boeing 737 MAX recebessem ordem para ficar em terra. 

Já esta semana, a Boeing admitiu que teve que corrigir falhas no software dos simuladores de voo do 737 MAX, naquela que foi  a primeira vez que a fabricante de aviões assume uma falha no modelo

Entretanto, a Reuters adianta que já deu entrada num tribunal norte-americano um processo contra a Boeing em que é pedido um valor de indemnização de 276 milhões de dólares (perto de 250 milhões de euros). O processo está a ser movido por uma mulher que perdeu o marido no desastre aéreo.

Nomaan Husain, advogado que avançou com o processo, alega que a Boeing confiou "num único sensor" que já tinha sido referenciado em cerca de 200 incidentes, que não informou os pilotos devidamente sobre o novo software e que este é um caso em que, "mais uma vez, a ganância corporativa pôs os lucros à frente da segurança".

O pedido de indemnização milionário será o mais elevado até ao momento, mas este é apenas mais um processo a juntar-se a outros de que a Boeing tem sido alvo por parte de familiares de vítimas, tanto pela queda na Etiópia no passado mês de março como pela queda de outro Boeing 737 MAX, em outubro do ano passado, na Indonésia - acidente esse que fez 189 vítimas mortais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório