Meteorologia

  • 16 JULHO 2019
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

Chefe da diplomacia dos EUA reunir-se-á com Putin na Rússia

O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, reunir-se-á com o Presidente russo, Vladimir Putin, na próxima semana, numa visita à Rússia em que também falará com o seu homólogo russo, Sergei Lavrov, confirmou o Departamento de Estado dos EUA.

Chefe da diplomacia dos EUA reunir-se-á com Putin na Rússia
Notícias ao Minuto

14:34 - 10/05/19 por Lusa

Mundo Pompeo

O chefe da diplomacia norte-americana vai encontrar-se com Vladimir Putin e Sergei Lavrov, com uma agenda dominada por temas que têm separado os dois países, nos últimos meses: Venezuela, Irão, Síria e Ucrânia.

Quarta-feira, Sergei Lavrov negou que estivesse a ser tentado algum acordo sobre a Venezuela, nos encontros, telefónicos e presenciais, que tem mantido com Mike Pompeo, sabendo-se da divergência de fundo na crise, em que a Rússia apoia o Presidente eleito, Nicolas Maduro, e os EUA reconhecem como legítimo líder o autoproclamado Presidente interino, Juan Guaidó.

Na segunda-feira, Lavrov e Pompeo já tinham discutido o tema da Venezuela, num encontro na Finlândia, à margem da cimeira do Conselho do Ártico, mas qualquer entendimento sobre esta crise política será "entre presidentes", como admitiu esta semana o chefe da diplomacia russa.

No final do encontro, Lavrov repetiu que qualquer intervenção militar na Venezuela teria efeitos "catastróficos" e Pompeo voltou a dizer que para o governo norte-americano todas as opções estão em cima da mesa.

Durante uma recente conversa telefónica entre o Presidente dos EUA, Donald Trump, e o Presidente russo, ambos realçaram a necessidade de uma clarificação célere da crise naquele país sul-americano, sem revelarem mais pormenores.

Também a guerra na Síria, de onde os EUA retiraram as suas forças militares em 2018, e a situação na Ucrânia, com as divergências sobre a anexação da Crimeia por parte da Rússia, são temas que ambas as partes admitiram estar na agenda de conversas durante a deslocação de Mike Pompeo a Moscovo e a Sochi (uma estância de férias no sul da Rússia).

O Irão será igualmente tema de discussão diplomática nesta viagem de Pompeo, num momento de escalada de tensão entre os EUA e o governo de Teerão.

Esta semana, Vladimir Putin criticou as novas sanções impostas pelos norte-americanos ao Irão, alargadas ao setor mineiro, depois de afetar o setor petrolífero de que os russos são clientes.

Ainda esta semana, os EUA reforçaram a sua presença militar junto ao Irão, enviando um porta-aviões para o Golfo com a justificação de haver "ameaças credíveis" por parte do governo de Teerão, apoiado por Moscovo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório