Meteorologia

  • 23 ABRIL 2019
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 13º

Edição

Político italiano contra as vacinas é internado com varicela

Massimiliano Fedriga foi um dos opositores à vacinação obrigatória em Itália. Garante que os seus filhos estão vacinados.

Político italiano contra as vacinas é internado com varicela
Notícias ao Minuto

21:53 - 20/03/19 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Massimiliano Fedriga

Um político italiano antivacinação foi hospitalizado por causa de varicela, que é evitável com a toma de vacina.

De acordo com a imprensa italiana, o político esteve em observação num hospital durante quatro dias, indo depois para casa recuperar. O caso terá acontecido recentemente. “Estou bem. Estou em casa e em convalescença”, chegou a confirmar o próprio.

Massimiliano Fedriga integra o Liga Norte, partido de extrema-direita, e é um ativista do movimento contra a vacinação obrigatória no país.

O deputado, na qualidade de presidente da região nordeste de Friuli-Venezia Giulia, foi um dos opositores da lei que entrou em vigor na semana passada e que torna obrigatória a vacinação de crianças em idade escolar contra várias doenças, entre as quais a varicela.

Já fora do hospital, Fedriga disse que nunca foi contra a vacinação, apenas contra a sua imposição obrigatória. “Não devem ser impostas”, indicou, “mas devem ser tomadas em acordo com as famílias”. Os seus filhos, porém, estão vacinados, segundo assegurou.

A Itália, sublinhe-se, tem mantido uma posição rígida em relação à vacinação. A nova lei proíbe crianças com menos de seis anos de frequentarem os jardins de infância se não tiverem sido vacinadas. Os pais que não cumpram incorrem em multas que podem chegar aos 500 euros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório