Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2018
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 16º

Edição

Da casa ao trabalho, estes são os locais com mais germes

Fique a conhecer os objetos que usa diariamente e que estão repletos de germes.

Da casa ao trabalho, estes são os locais com mais germes
Notícias ao Minuto

16:00 - 18/12/17 por Daniela Costa Teixeira 

Lifestyle Cuidados

Em casa, no trabalho, nos transportes públicos, no restaurante. Em todo o lado. Os germes estão em todo o lado e quem o diz é o microbiologista Charles Gerba que, ao The Washington Post, revelou todos os locais mais ou menos inusitados em que se encontram estes microrganismos.

Em casa, o simples facto de vestir roupa já nos coloca em contacto com germes. Segundo o especialista, vírus, hepatite e salmonella são alguns dos ‘agentes’ que podem infiltrar-se nas roupas do dia a dia, especialmente quando a lavagem das mesmas não é feita corretamente – ou é feita com água demasiado fria, não permitindo a aniquilação completa dos germes e bactérias. Na cozinha, por exemplo, a pia, a esponja e a bancada são os locais mais ‘sujos’.

A caminho do trabalho (ou no regresso a casa), o risco de ficar doente é seis vezes maior quando se anda de metro ou autocarro do que quando se anda de bicicleta ou carro, pois o contacto com os germes é consideravelmente maior. Aqui, frisa o especialista, o segredo para uma prevenção eficaz passa por usar um gel antibacteriano antes e depois de tocar em locais onde todos tocam, como os varões de suporte no autocarro, por exemplo.

Também as malas e casacos são outros objetos completamente ‘contaminados’, uma vez que tocam em todo o lado e podem mesmo estar em contacto direto com o chão, especialmente no que diz respeito às carteiras e malas.

Diz Gerba que um simples telemóvel pode ter mais de 100 mil bactérias, agora imagine os telemóveis que estão em exposição nas lojas de tecnologia e que são diariamente tocados por dezenas ou centenas de pessoas diferentes.

Já no local de trabalho, escreve a publicação, os germes encontram-se mais concentrados nos botões do elevador, nas maçanetas das portas e na copa, especialmente na pia e nos itens de partilha, como a chaleira, a máquina do café, a caixa do chá ou do açúcar, etc. Como não poderia deixar de ser, também a casa de banho é um local ‘contaminado’.

Quem almoça todos os dias no restaurante está ainda à mercê das bactérias e germes que facilmente se alojam no menu, tal como lhe contámos aqui. Quem ainda passa no supermercado antes de regressar a casa está também à mercê das bactérias e germes que se encontram nos carrinhos e cestos de compra, nos sacos de plástico. Estes são possivelmente os locais de maior risco no supermercado.

Aproveite para saber quais são os itens que deve limpar com mais regularidade.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório