Meteorologia

  • 23 FEVEREIRO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

A Covid-19 não acabou. Qual o teste mais confiável?

Um grupo de cientistas chegou a uma conclusão.

A Covid-19 não acabou. Qual o teste mais confiável?
Notícias ao Minuto

09:29 - 11/12/23 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Coronavírus

Investigadores do Hospital Universitário de Copenhaga, na Dinamarca, descobriram que o teste rápido de antigénio para Covid-19 feito por um profissional de saúde a partir de amostras recolhidas através da zaragatoa da garganta é mais eficaz do que pelo nariz. Os dados do estudo foram publicadas na revista Jama Network Open.

Para chegarem a  esta conclusão, os cientistas analisaram os testes de 2941 participantes com uma idade média de 40 anos. Cerca de 40% dos participantes apresentavam sintomas de Covid-19 e 30,9% testaram positivo.

Leia Também: Não é desta que nos livramos da Covid longa. Cientistas fazem descoberta

As amostras recolhidas da garganta por profissionais demonstram uma sensibilidade média de 69,4%, enquanto a dos testes nasais foi de 60%. Os investigadores descobriram que este resultado muda quando o exame é feito pelo próprio doente. As amostras nasais de autoteste foram mais eficazes do que as da garganta, com uma sensibilidade média de 71,5% e 58%, respetivamente.

"Descobrimos que uma única amostra da garganta recolhida por profissionais de saúde apresenta uma maior sensibilidade para testes rápidos de antígeno para o coronavírus do que a nasal. Por outro lado, as amostras nasais recolhidas pelos próprios doentes têm maior sensibilidade do que as de garganta para sintomáticos", afirmam os autores do estudo.

Leia Também: Covid-19. Perdeu o olfato e o paladar? Há nova esperança

O que fazer se apresentar sintomas de Covid-19:

Mantenha a calma e evite deslocar-se aos hospitais. Fique em casa e ligue para o SNS 24 (808 24 24 24). Escolha a opção 1 (para outros sintomas deve escolher a opção 2) ou 112 se for emergência médica. Siga todas as orientações dadas e evite estar próximo de pessoas, mantendo uma distância de, pelo menos, dois metros.

Leia Também: Covid-19. Jamais ignore este sintoma raro e inesperado na língua

Recomendados para si

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório