Meteorologia

  • 12 AGOSTO 2022
Tempo
29º
MIN 18º MÁX 31º

Como usar o exercício para melhorar a sua saúde mental

Leia as recomendações de um especialista.

Como usar o exercício para melhorar a sua saúde mental
Notícias ao Minuto

18:18 - 04/07/22 por Notícias ao Minuto

Lifestyle Exercício

Depressão e ansiedade são duas das doenças mentais mais comuns dos dias de hoje. Existem diferentes tratamentos para tentar melhorar a vida das pessoas que sofrem desta condição. No entanto, segundo o The Guardian, o uso de exercício para benefício psicológico é raramente considerado. 

Normalmente, os benefícios psicológicos de fazer exercício são associados à libertação de endorfinas, mas o meio de comunicação explica que se trata de uma simplificação do verdadeiro processo. 

Quando fazemos exercício não produzimos apenas uma hormona, mas sim um "cocktail de hormonas", incluindo a 'endocannabinoids', que ajudam a melhorar o bom humor. 

O professor Jack Raglin, na Indiana University’s School of Public Health,  nos EUA, explicou ao The Guardian que um treino curto e simples pode ajudar a melhorar o humor das pessoas durante horas ou até ao longo de semanas, dependendo da regularidade com que se faz exercício. 

Leia Também: 'Nordic Walking': O exercício que faz tão bem ao coração como correr

O mesmo especialista esclareceu que as pessoas que apenas tenham como objetivo melhorar a saúde mental, não precisam de fazer exercício tão regularmente, como aquelas que têm metas físicas para atingir. 

Fazer quinze a vinte minutos de exercício, três vezes por semana, consegue melhores resultados a longo prazo, no entanto, qualquer "dose" terá efeito, até mesmo uma pequena caminhada, por exemplo. 

A recomendação dos especialistas é que a melhor atividade para cada um é aquela que se gosta mais de fazer. Para quem não sabe o que escolher a melhor aposta são exercícios de aeróbica e de anaeróbica, o último, que inclui correr, nadar e outros tipos de 'cardio', é especialmente eficaz a reduzir níveis de stress e ansiedade.

Leia Também: Três exercícios ideais para queimar gordura

Segundo Raglin, quando se fala de exercício, existem dois tipos de pessoas: as que encontram o "seu exercício" e que gostam da rotina e as que preferem variar e apostam em diferentes atividades. O mais importante é, segundo o especialista, manter uma rotina de exercício fácil de manter. 

Se, após uma sessão de exercício de alta intensidade, não se sentir imediatamente melhor, não se preocupe. Aliás é possível que se sinta pior, porque pode estar a sentir sintomas físicos como suores, tremores ou hiperventilação. No entanto, o mais provável é que dentro de quinze ou vinte minutos, tudo isso comece a desaparecer e comece a sentir-se mais relaxado. 

O mais importante é promover, durante o dia a dia, um estilo de vida ativo, algo que atenua os sintomas de ansiedade, depressão e outros distúrbios psicológicos. 

Leia Também: Treino de eletroestimulação: O que é e que benefícios tem

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório