Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2020
Tempo
16º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Prevenir o AVC através da alimentação. Adote estes seis hábitos (já!)

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), apontam que o acidente vascular cerebral (AVC) é responsável por 12,2% de mortes anualmente, ocupando o segundo lugar na lista de causas de morte em todo o mundo.

Prevenir o AVC através da alimentação. Adote estes seis hábitos (já!)
Notícias ao Minuto

20:00 - 28/10/20 por Notícias ao Minuto 

Lifestyle Acidente vascular cerebral

Para Sara Biscaia Fraga, nutricionista da Clínica Biscaia Fraga presente na plataforma de marcação de consultas Doctorino: "existem diversos fatores de risco para esta complicação. Ao contrário da idade e do género, há alguns que podem ser controlados, como os hábitos alimentares, sedentarismo, consumo de álcool e tabaco. É fundamental adquirir uma alimentação saudável e variada, composta por vegetais, legumes, frutas, cereais integrais e carnes magras". 

O AVC consiste no bloqueio do fluxo sanguíneo ou ruptura de uma artéria, provocando a morte das células cerebrais pela falta de oxigénio e nutrientes, como consequência da ausência de irrigação no cérebro.

São dois os tipos de AVC. O AVC isquémico, que ocorre pelo bloqueio do fluxo sanguíneo; e o AVC hemorrágico, que se dá pelo rompimento de uma artéria.

De forma a assinalar o Dia Mundial do AVC, que se celebra amanhã dia 29 de outubro, a Doctorino uniu-se à nutricionista Sara Biscaia Fraga e divulgou uma lista de hábitos fundamentais para prevenir a incidência de derrames. A saber:

Diminuir a ingestão de gorduras saturadas e de origem animal

Nomeadamente, evitar o consumo de gorduras trans, óleo de coco e palma. A fast-food e outros alimentos processados também apresentam uma grande quantidade destas gorduras. Alimentos ricos em sal e açúcar também devem ser banidos da dieta, já que contribuem para o aumento da pressão arterial e do colesterol;

Aumentar o consumo de alimentos ricos em fibra solúvel

Como é o caso da linhaça, lentilhas e aveia, pois ajudam a controlar os níveis de colesterol;

Consumir de forma regular alimentos que facilitam o fluxo sanguíneo

Resveratrol, um fitoquímico presente na uva, nas nozes e no vinho tinto, promove a inibição da formação de coágulos e ajuda no relaxamento dos vasos sanguíneos;

Ingerir frequentemente alimentos ricos em ómega-3 (entre duas a três vezes por semana)

Esta gordura está presente em diversos peixes, em maior quantidade nos peixes gordos, como o salmão, a sardinha, a cavala e o atum. O ómega-3 previne a formação de coágulos pela redução da aderência das plaquetas.

Evitar o consumo de sal e bebidas alcoólicas

Diversos estudos mostram que a incidência de AVC aumenta em pessoas que bebem bebidas alcoólicas e consomem sal com regularidade;

Privilegiar alimentos com polpa branca

Estamos a falar de alimentos como a pêra, a maçã, a banana e o pepino por exemplo, uma vez que promovem uma redução de 52% de probabilidade sofrer um acidente vascular cerebral, de acordo com um estudo realizado na Universidade de Wageningen, na Holanda.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório