Meteorologia

  • 29 SETEMBRO 2020
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 29º

Edição

Consumir este elemento químico ajuda a recuperar da Covid-19

Investigadores britânicos revelam que nas regiões da China cuja população tem uma taxa mais elevada de selénio no organismo apresentam igualmente um maior índice de pacientes que recuperaram da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus ou SARS-CoV-2.

Consumir este elemento químico ajuda a recuperar da Covid-19

Segundo um grupo de cientistas da Universidade de Surrey, no Reino Unido, há uma correlação positiva entre a taxa de recuperação da Covid-19 e a ingestão regional de selénio na China. O estudo foi publicado no periódico American Journal of Clinical Nutrition, e divulgado na revista Galileu. 

Este elemento químico é um bem necessário para a saúde humana e no combate a várias doenças, sendo que por exemplo em indivíduos infetados com o VIH, o défice de selénio influencia a evolução da patologia. 

A substância pode ser obtida através da dieta, estando presente em alimentos como a carne, o peixe ou cereais. 

O estudo

Conforme aponta a revista Galileu, a população chinesa têm ao mesmo tempo os índices mais baixos e elevados de selénio registados no mundo inteiro. Tal deve-se ao facto de que as diferenças geográficas do solo afetam a quantidade do elemento químico presente na dieta das pessoas.

Tendo estes dados em mente, a equipa de cientistas da Universidade de Surrey liderados pela professora de medicina Margaret Rayman, resolveu analisar a relação entre os índices de selénio de uma população e o número de indivíduos que venceram a Covid-19.

Na sua pesquisa, os investigadores estudaram as informações de províncias com mais de 200 casos e cidades com uma quantidade superior a 40 ocorrências, e apuraram que áreas com maiores níveis de selénio registavam igualmente um nível mais elevado de doentes que haviam melhorado da Covid-19 ou recuperado totalmente.

Por exemplo na cidade de Enshi, na província de Hubei, local onde se regista o maior consumo do elemento químico na China, a taxa de convalescença correspondia a um valor quase três vezes maior de recuperados do que a média, comparativamente a todas as outras cidades. Entretanto, na província de Heilongjiang, onde a ingestão de selénio é uma das mais reduzidas do planeta, a taxa de mortandade por Covid-19 foi cerca de cinco vezes superior à média de todas as outras províncias. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório