Meteorologia

  • 01 DEZEMBRO 2020
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

A força diz respeito ao cérebro e aos músculos, dizem cientistas

Estas são as descobertas de um estudo da Universidade de Nebraska-Lincoln.

A força diz respeito ao cérebro e aos músculos, dizem cientistas

Se quer ficar em forma, talvez seja necessário trabalhar, além dos músculos, a energia do cérebro, sugere um novo estudo citado pela Sky News. Cientistas da Universidade de Nebraska-Lincoln afirmam que a força física pode advir tanto do exercício do sistema nervoso quanto do treino físico.

Num estudo, os investigadores pediram a alguns participantes que levantassem pesos mais leves com mais repetições e outros que fizessem menos repetições com mais peso.

Enquanto a massa muscular em ambos os grupos de participantes era formada na mesma proporção, aqueles que treinavam com pesos mais pesados tornavam-se mais fortes.

A equipa diz que isso pode ser explicado pelos sinais elétricos enviados pelos neurónios motores do cérebro, que diferem dependendo do peso levantado. 

As descobertas sugerem, então, que o treino com pesos de alta carga ensina o sistema nervoso a transmitir mais sinais elétricos do cérebro para os músculos que estão a ser exercitados, permitindo que esses músculos produzam mais força. A equipa acredita que isso explicaria como os ganhos de força diferem entre os participantes, apesar de a massa muscular permanecer a mesma.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório