Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Há uma nova Padaria da Esquina e a estrela é o pão de cerveja

A Padaria da Esquina do Restelo abre portas com uma nova 'estrela'. O pão de cerveja é o mais recente protagonista da nova padaria do chef Vítor Sobral e do mestre padeiro Mário Rolando, que juntaram dois alimentos milenares para fazerem o primeiro pão de cerveja português inspirado na Cerveja Bohemia.

Há uma nova Padaria da Esquina e a estrela é o pão de cerveja

Notícias ao Minuto

12:30 - 14/11/19 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Pão e mais pão

O inverno em Lisboa vai ser mais aconchegante este ano, com a abertura de uma nova Padaria da Esquina no bairro do Restelo. O projecto do chef Vítor Sobral e do mestre padeiro Mário Rolando estende o seu terceiro tentáculo à capital e abre portas em mais uma zona nobre de Lisboa, o Restelo, com loja e esplanada. Este terceiro filho – que se vem juntar à Padaria da Esquina de Campo de Ourique (desde julho de 2018), e à do Mercado de Alvalade (desde janeiro de 2019) -, e terá no pão de cerveja uma das suas principais novidades.

A aposta neste produto, pioneiro em Portugal, parte da constatação das muitas semelhanças entre o pão e a cerveja em matéria de processo e de matérias-primas. “Se formos ver, os ingredientes da cerveja e do pão são os mesmos: cereal, água e levedura”, explica o mestre padeiro Mário Rolando. “Só acresce o sal, no caso do pão, e o lúpulo, no caso da cerveja. De resto, a cerveja é quase uma espuma – ar dentro de um líquido -, e o pão é uma esponja – ar dentro de um sólido”, continua. Por isso se diz que “o pão é cerveja sólida, e a cerveja é pão líquido”.  

“O pão e a cerveja têm uma relação muito especial desde a sua origem”, explica a Beer Sommelier Filipa Santos. “A cerveja foi descoberta acidentalmente há 10.000 anos, a partir da produção de pão, e nas primeiras cervejeiras do mundo eram as mulheres que se dedicavam à produção do mesmo. A afinidade entre os ingredientes do pão e da cerveja foi bem notada pelos monges, que durante a Idade Média consumiam cerveja durante os longos períodos de jejum, sendo esta apelidada de Pão Líquido.”

“Apesar de ser a bebida alcoólica mais popular do mundo, existe ainda um grande desconhecimento em relação aos ingredientes e processo de elaboração de uma cerveja. A cerveja é feita a partir de ingredientes de origem natural, num processo complexo que exige a dedicação e paixão de um Mestre Cervejeiro”, continua Filipa Santos.

É por essa razão, também, que pão e cerveja são um casal natural – associação que fazemos instintivamente quando elegemos a cerveja para acompanhar uma pizza, um cachorro quente ou uma bifana, casando cerveja com pão. No caso do pão de cerveja da Padaria da Esquina, teremos oportunidade de provar um pão de fermentação longa, feito com o mosto da cerveja (e não com o produto final), o que o torna mais rico em termos de aromas e sabores.

“Para mim, tão importante como fazer o primeiro pão de cerveja em Portugal, é a qualidade do produto que vou apresentar”, afirma o chef Vítor Sobral. Esta parceria com a cerveja Bohemia veio dar de beber à máquina de brassagem que havia sido adquirida pela Oficina da Esquina, onde todo o pão e os bolos são fabricados. 

Naturalmente, a cerveja Bohemia será uma das bebidas que se poderá tomar na nova Padaria da Esquina do Restelo, mas não só. Com os bolos tradicionais portugueses – o bolo de arroz, o croissant do Porto, a bola de Berlim ou o pastel de nata – ou os pães de fermentação lenta, feitos com recurso à massa-mãe, deixando o tempo fazer a sua magia -, poderá também tomar um café, a partir de um ‘blend’ especial da Delta criado pelo chef Vítor Sobral.

Além destas bebidas, poderá também acompanhar as suas tostas ou sandes quentes com Moscatel de Setúbal, um copo de Verdelho, um de Vinho do Porto Graham’s 10 anos, com o vinho Splendidus, do chef Vítor Sobral – ou claro, com uma Bohemia Pilsener.

Curiosamente, o pão e a cerveja são dois alimentos milenares. A referência mais antiga a esta bebida fermentada remonta ao século III aC, na Antiga Suméria, numa menção a Ninkasi, deusa da cerveja. Quanto aos registos sobre o pão, remontam a 6000 aC. É nos hieróglifos egípcios que se encontram referências conjuntas a pão e cerveja - tendo sido este povo o primeiro a usar fornos de barro para cozer pão. Já os Antigos pareciam saber que estes dois funcionavam bem em par.

A partir deste mês, poderá encontrar o pão de cerveja nas três Padarias da Esquina, para experimentar o sabor delicado e subtil desta nova criação. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório