Meteorologia

  • 20 FEVEREIRO 2020
Tempo
15º
MIN 8º MÁX 19º

Edição

É fã de atum? Atenção, estudo alerta que comer este peixe pode fazer mal

Investigadores norte-americanos analisaram riscos de contaminação por mercúrio em estudantes que consumiam o alimento com frequência.

É fã de atum? Atenção, estudo alerta que comer este peixe pode fazer mal
Notícias ao Minuto

08:05 - 07/07/19 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Alimentos perigosos

Ainda que um alimento prático, o atum pode trazer danos à saúde se consumido em excesso. Isso porque o peixe contém pequenas doses de mercúrio, elemento químico nocivo para a saúde dos humanos. Tendo isso em mente, investigadores da Universidade da Califórnia em Santa Cruz (UCSC), nos Estados Unidos, decidiram realizar testes em estudantes que consumiam regularmente atum enlatado.

A partir de amostras do cabelo dos alunos, foi possível detetar que, para alguns deles, a quantidade de mercúrio estava acima dos níveis recomendáveis. Segundo o estudo, 54% dos alunos consumiam atum três vezes por semana, o que já pode exceder a dose de metilmercúrio considerada segura pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA). Em sete participantes, o consumo era um tanto mais surpreendente: estes alunos admitiram comer o alimento 20 vezes por semana.

“Isso não significa necessariamente que os estudantes sofrem efeitos de toxicidade, mas esse já é um nível para o qual se recomenda reduzir a exposição ao mercúrio”, afirmou Myra Finkelstein, professora-adjunta da UC Santa Cruz.

Os investigadores aperceberam-se ainda uma falta de conhecimento dos alunos quanto aos perigos da exposição ao mercúrio: 99% deles afirmaram não ter noção de todo dos potenciais riscos. E os académicos consideram inclusive que a maioria da população em geral não esteja a par desses mesmos riscos. 

A maioria dos estudantes entrevistados pensava que era seguro comer até três vezes mais atum do que o recomendado pela EPA (duas a três porções por semana). 

No ser humano, o mercúrio pode causar danos neurológicos e provoca efeitos na saúde reprodutiva, por isso a preocupação sobre o consumo de atum é maior em mulheres grávidas e crianças. Em casos graves, a substância pode levar à cegueira, ao impedimento cognitivo e ao mau funcionamento pulmonar.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório