Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2018
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 21º

Edição

Cinco dicas para ‘cortar’ no plástico sempre que vai às compras

Não tem de mudar radicalmente de um dia para o outro, mas aprender a optar pelas opções mais sustentáveis.

Cinco dicas para ‘cortar’ no plástico sempre que vai às compras
Notícias ao Minuto

11:00 - 09/07/18 por Mariana Botelho 

Lifestyle Sustentabilidade

Quando chega a casa, depois de uma manhã de (muitas) compras, daquelas que enchem a dispensa, quantas vezes dá por si com um saco cheio de plásticos desnecessários? Falamos do plástico que envolve as garrafas de água, pacotes de leite, sacos onde vêm a fruta e outros prontos a reciclar, sem contar com os pacotes de iogurte, leite ou garrafas de água que serão deitados fora mal utilize o produto que lá contém.

Por facilitismo, muito é o plástico produzido e que consumimos através dos supermercados. Mas mesmo sem passar a utilizar o champô sólido ou discos de limpeza reutilizáveis, há pequenas medidas que pode e deve adotar, pelo bem do planeta, sem que o seu quotidiano sofra grandes mudanças.

Na Women’s Health UK, são apontadas cinco dicas que darão início a esta mudança de atitude, a começar pelo uso de sacos de pano. Não pesam nada dentro da mala, há opções que se dobram ao pouco de ocupar ainda menos espaço e nem tem de andar sempre com tal saco, basta que os deixe na bagageira, prontos a serem usados sempre que for às compras. No Dia Internacional Sem Sacos de Plástico demos-lhe algumas opções de sacos bem mais ecológicos.

Outra forma de desperdício de plástico muito comum passa pela fruta embalada. Ao optar pela fruta a granel, não precisa de a colocar dentro dos sacos plásticos disponíveis para o efeito,e se comprar fruta em grandes quantidades e o saco seja uma ajuda, poderá ao menos reutilizar o saco, algo que mais dificilmente aconteceria com o invólucro que embala a fruta à priori. Além disso, ao escolher peça a peça o que vai comprar, evita o desperdício ao garantir que compra apenas aquilo que vai consumir.

Do mesmo modo, a carne e peixe devem ser comprados ao balcão e não nos frigoríficos onde o alimento já está embalado. Se tiver a possibilidade de ir diretamente a uma peixaria ou talho, tanto melhor: há espaços onde o embalo é feito em papel, e não plástico, ou onde mais facilmente aceitam pesar o alimento no recipiente do cliente, que leva de casa evitando o desperdício.

‘Ser fiel à sua lista de compras’ é também uma dica para evitar o desperdício de plástico. A regra que já era imposta a quem não quer gastar dinheiro em vão, nem tão pouco sair da linha da alimentação saudável, serve também para a missão do ‘ser mais ecológico’. É que pode ter em conta a forma como deve comprar fruta, carne ou peixe… mas se estiver com muita fome e comprar aquele pacote de bolachas que chama por si, estará a sair dos eixos, tanto a nível de sustentabilidade como de equilíbrio, já que são as más opções que mais surgem em embalagens pouco amigas do ambiente.

Por fim, não tente ser perfeito à primeira ida às compras. É normal que tenha de se adaptar e será impossível mudar de forma de consumo de um dia para o outro. Ter estes pequenos aspetos em consideração e ir se informando de outros será a melhor forma de, naturalmente, adotar um estilo de consumo muito mais sustentável.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório