Meteorologia

  • 06 JUNHO 2020
Tempo
25º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

Dívida pública colocada por Angola aumenta 30%

A dívida pública colocada por Angola na segunda semana de novembro aumentou mais de 30%, para 65,4 mil milhões de kwanzas (338 milhões de euros), aproximando-se dos 10.000 milhões de euros de títulos do Tesouro emitidos este ano.

Dívida pública colocada por Angola aumenta 30%
Notícias ao Minuto

10:05 - 16/11/17 por Lusa

Economia Títulos

De acordo com dados do relatório semanal sobre a evolução dos mercados monetário e cambial do Banco Nacional de Angola (BNA), compilados hoje pela Lusa, o banco central colocou no mercado primário, entre 06 e 10 de novembro, um total de 41,5 mil milhões de kwanzas (214,5 milhões de euros) em Bilhetes do Tesouro (BT).

Somam-se 17 mil milhões de kwanzas (87,8 milhões de euros) em Obrigações do Tesouro (OT-TXC) indexadas à taxa de câmbio e 1.000 milhões de kwanzas (5,2 milhões de euros) em Obrigações do Tesouro Não Reajustadas (OT-NR).

As taxas de juro médias a pagar pela emissão de BT pelo BNA, em representação do Estado angolano, oscilaram entre os 16,15% na maturidade a 91 dias e os 23,90% no prazo de 364 dias, praticamente inalteradas desde março, enquanto as OT indexadas à taxa de câmbio vão pagar taxas de juro nominais entre os 7,0%, pela maturidade de três anos, e os 7,75%, para a maturidade de seis anos.

Esta foi a 38.ª emissão semanal de dívida pública de 2017 e no segmento de venda direta de Títulos do Tesouro ao público em geral foram ainda colocados 5,9 mil milhões de kwanzas (30,5 milhões de euros).

Desde o início da emissão de dívida em 2017, que só arrancou na segunda quinzena de fevereiro, Angola já colocou mais de 1,880 biliões de kwanzas (9.750 milhões de euros) em bilhetes e obrigações do Tesouro.

Angola vive desde finais de 2014 uma crise financeira e económica e no Orçamento Geral do Estado (OGE) de 2017 as receitas fiscais só deverão cobrir 49,6% das necessidades totais, acrescido das receitas patrimoniais, com 6,7%, de acordo com o mesmo documento.

As receitas provenientes do endividamento público deverão atingir um peso de 43,6% do valor global inscrito no Orçamento, chegando a 3,224 biliões de kwanzas (16,7 mil milhões de euros).

Além de contrair nova despesa pública, no mercado interno e externo, o OGE de 2017 prevê 2,338 biliões de kwanzas (12,1 mil milhões de euros) para o serviço da dívida este ano.

Nas contas do Governo, está inscrito um défice orçamental de 5,8% do Produto Interno Bruto em 2017, no valor de 1,139 biliões de kwanzas (5,9 mil milhões de euros).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório