Meteorologia

  • 18 JULHO 2024
Tempo
27º
MIN 16º MÁX 33º

Lucro da Petrobras aumentou 76,6% em 2022 para novo recorde máximo

A Petrobras obteve um lucro líquido de 188,3 mil milhões de reais (cerca de 34,1 mil milhões de euros) em 2022, um valor recorde que representa um aumento de 76,6%, avançou a petrolífera estatal brasileira.

Lucro da Petrobras aumentou 76,6% em 2022 para novo recorde máximo
Notícias ao Minuto

06:22 - 02/03/23 por Lusa

Economia Petrobras

No último trimestre do ano passado, o lucro da maior empresa do Brasil subiu 37,6%, atingindo 43,3 mil milhões de reais (7,9 mil milhões de euros), avançou a Petrobras num comunicado divulgado na quarta-feira.

As receitas líquidas da petrolífera aumentaram 42% para 641,3 mil milhões de reais (116,2 mil milhões de euros) em 2022, seguindo de perto a subida de 43% no preço do crude nos mercados internacionais.

Além disso, o ano passado ficou marcado pela "retoma na procura mundial e com a oferta impactada pela guerra da Ucrânia", sublinhou, no comunicado, o diretor financeiro da Petrobras.

Rodrigo Araújo Alves lembrou ainda que a empresa, que produz mais de 90% do petróleo e gás natural do gigante sul-americano, transferiu 279 mil milhões de reais (50,6 mil milhões de euros) em impostos e dividendos para o Estado brasileiro em 2022.

O Governo do Brasil, através do Ministério de Minas e Energia, comunicou à Petrobras na quarta-feira a suspensão por um período de 90 dias da venda dos ativos da petrolífera, algo que tinha sido anunciado pelo antigo executivo de Jair Bolsonaro.

A administração de Luiz Inácio Lula da Silva justificou a suspensão com a reavaliação em curso da política nacional de energia brasileira e a reformulação do Conselho Nacional de Política Energética do Brasil.

A Petrobras disse que o conselho de administração iria avaliar o impacto e possíveis riscos jurídicos e económicos da suspensão para os processos em cursos e compromissos já assumidos pela petrolífera.

A 02 de janeiro, um dia após tomar posse, Lula da Silva tinha deixado a garantia de não privatizar qualquer empresa pública, o que implicaria a suspensão da venda de ativos de oito empresas, incluindo a Petrobras.

A petrolífera anunciou na terça-feira uma redução de 3,9% do preço da gasolina e 1,95% do gasóleo que vende às distribuidoras.

Isto num momento em que o Governo brasileiro discute o regresso dos impostos sobre os combustíveis, que foram suspensos no ano passado pelo executivo de Bolsonaro.

Leia Também: Petrobras anuncia redução nos preços dos combustíveis às distribuidoras

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório