Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2022
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 17º

TAP vai cancelar 360 voos nos dias da greve. Decisão terá "grande custo"

Em cauda está a greve convocada pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação para os dias 8 e 9 de dezembro. A TAP diz que a decisão terá "um grande custo" para a companhia aérea nacional, mas é a "decisão certa para proteger" os passageiros.

TAP vai cancelar 360 voos nos dias da greve. Decisão terá "grande custo"
Notícias ao Minuto

15:25 - 23/11/22 por Notícias ao Minuto

Economia TAP

A TAP informou, esta quarta-feira, que recebeu o aviso de greve do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação (SNPVAC) para os dias 8 e 9 de dezembro e anunciou que vai cancelar os 360 voos programados para esses dias, de modo a acabar com a incerteza para os clientes. A companhia aérea adiantou ainda que a greve terá um impacto de cerca de oito milhões de euros de receitas perdidas.

"Para evitar que os Clientes com voos reservados para estas datas sejam ainda mais afetados pela incerteza sobre se o seu voo, devido à greve, terá ou não lugar, a TAP decidiu cancelar 360 voos programados para os dois dias da greve. Esta decisão terá um grande custo para a TAP, mas é a decisão certa para proteger os nossos passageiros", refere a companhia aérea em comunicado enviado às redações.

A empresa diz que "esta decisão terá um grande custo para a TAP, mas é a decisão certa para proteger os nossos passageiros".

A decisão do SNPVAC de avançar para a greve, considera a TAP, confirma o "cenário mais difícil e a total inflexibilidade do Sindicato da Tripulação da Cabine para negociar uma solução que não prejudique os clientes, a Companhia e os Portugueses".

"O processo de cancelamento de voos e de informação aos passageiros já começou. A TAP contactará todos os passageiros afetados por estes cancelamentos, propondo voos alternativos, em datas diferentes, ou outras soluções que sejam aceites pelo Cliente. Com esta ação, a partir de hoje, e até 8 e 9 de dezembro, todas as equipas da TAP estão a trabalhar arduamente para encontrar as melhores soluções e minimizar todos os inconvenientes causados", segundo a informação disponibilizada.

Os tripulantes da TAP vão avançar com uma greve nos dias 8 e 9 de dezembro, convocada pelo SNPVAC, apontando como motivos o "descontentamento, revolta e mal-estar" entre os trabalhadores.

A TAP e os sindicatos encontram-se em negociações para a revisão do Acordo de Empresa (AE), no âmbito do plano de reestruturação. A TAP propõe cortes nos salários e flexibilização de horários, entre outras medidas.

Descontentes, os tripulantes da TAP, em assembleia geral de emergência do SNPVAC, em 3 de novembro, decidiram avançar com uma greve nos dias 08 e 09 de dezembro, bem como "recusar liminarmente a proposta de novo acordo de empresa (AE)" apresentada pela companhia aérea, que consideram "absolutamente inaceitável e manifestamente redutora".

[Notícia atualizada às 15h45]

Leia Também: Greve. O que fazer (e como agir) se o seu voo atrasar ou for cancelado

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório