Meteorologia

  • 09 AGOSTO 2022
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 31º

Rússia entrou em 'default' pela primeira vez em 100 anos

A notícia é avançada pela Bloomberg, dando conta também que é a primeira vez que o incumprimento acontece em 100 anos. 

Rússia entrou em 'default' pela primeira vez em 100 anos
Notícias ao Minuto

08:29 - 27/06/22 por Notícias ao Minuto

Economia Rússia

É oficial: a Rússia entrou em 'default', depois de falhar o pagamento de 100 milhões de dólares (cerca de 94,5 milhões de euros) em juros a detentores de dívida. A notícia é avançada pela Bloomberg, dando conta também que é a primeira vez que o incumprimento acontece em 100 anos. 

Este cenário acontece também numa altura em que há sanções ocidentais "cada vez mais duras", que têm dificultado - e até mesmo bloqueado - os pagamentos, explica a mesma agência. 

No domingo, explica a Bloomberg, o período de carência dos 100 milhões de dólares em juros que deviam ter sido pagos a 27 de maio expirou, o que significa que o país entrou em incumprimento.

No final de maio, recorde-se, os EUA acabaram com a exceção que permitia à Rússia pagar as suas dívidas com dólares, decisão que poderia levar Moscovo a entrar em incumprimento.

Desde 5 de abril, quando as sanções contra Moscovo foram reforçadas, que a Rússia já não podia pagar a sua dívida com dólares que detinha em bancos norte-americanos, noticia a agência France-Presse (AFP).

A governadora do banco central russo, Elvira Nabioullina, admitiu em 29 de abril que Moscovo estava a enfrentar "dificuldades de pagamento", mas recusou-se a falar sobre um possível incumprimento.

Leia Também: Putin vai sair pela primeira vez da Rússia desde o início da guerra

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório