Meteorologia

  • 07 OUTUBRO 2022
Tempo
28º
MIN 16º MÁX 29º

Alívio das restrições? "Medidas são bastante positivas para a economia"

O isolamento só para pessoas infetadas com Covid-19, o fim da recomendação do teletrabalho e da lotação dos espaços comerciais são algumas das medidas anunciadas pelo Governo na quinta-feira. Ainda não entraram em vigor, mas o presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal considera que são positivas para o relançamento da economia.

Alívio das restrições? "Medidas são bastante positivas para a economia"

O presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), João Vieira Lopes, considera que o alívio de restrições, anunciado pelo Governo na quinta-feira, será benéfico para a economia, sublinhando que a expectativa para o setor, neste momento, é positiva. 

"Estas medidas são bastante positivas para a economia, até porque, em primeiro lugar, o número de pessoas isoladas será muito menor. Isso tem impacto quer nos clientes que têm disponibilidade de visitar os estabelecimentos, quer nos problemas com pessoal que o número elevado de isolamentos estava a criar", disse João Vieira Lopes, em declarações à RTP3. 

João Vieira Lopes admite que houve mesmo "pequenos estabelecimentos que tiveram que encerrar, porque não tinham pessoas para manter a porta aberta". Questionado sobre o número de empresas nesta situação, Vieira Lopes diz que é difícil quantificar e acrescenta que "os períodos de encerramento não foram muito grandes, mas foram muitos".

O Governo decidiu, na quinta-feira, avançar com o alívio de algumas restrições até agora em vigor para a contenção da pandemia da Covid-19, depois de ter reunido em Conselho de Ministros. O confinamento passa a estar previsto só para quem tem teste positivo e 'cai' para os contatos de risco.

Além disso, o teletrabalho deixa de ser recomendado, uma medida que, na opinião de João Vieira Lopes, facilitará a "circulação" das pessoas. Também 'caiu' a lotação aos estabelecimentos comerciais, que até então era de uma pessoa por cada cinco metros quadrados.

"Globalmente, temos a expectativa de que isto vá levar a um relançamento da economia. Não vale a pena termos ilusões, o fim do ano foi bastante afetado pelas medidas restritivas e as empresas não conseguiram recuperar. Neste momento, a nossa expectativa é positiva", disse o presidente da CCP. 

A ministra de Estado e da Presidência afirmou, na quinta-feira, que as medidas de alívio das restrições por causa da Covid-19 seguiriam ainda ontem para promulgação por parte do chefe de Estado e deverão entrar em vigor nos próximos dias.

Leia Também: "Um passo para o regresso a uma vida normal". Eis tudo o que vai mudar

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório