Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Nigéria lança criptomoeda 'eNaira'

A Nigéria lançou hoje de forma oficial uma nova versão digital da sua moeda, o 'eNaira', após adiar a operação inicialmente prevista para o início do outubro, anunciou o Presidente do país, Muhammadu Buhari.

Nigéria lança criptomoeda 'eNaira'
Notícias ao Minuto

14:42 - 25/10/21 por Lusa

Economia eNaira

Com este lançamento, a Nigéria, a maior economia de África em termos de produto interno bruto e o país mais populoso do continente, é pioneira no continente, ao lado do Gana, que tem testado o "e-Cedi" como um novo meio para transações desde setembro.

"Tornámo-nos o primeiro país em África e um dos primeiros do mundo a introduzir uma moeda digital para os nossos cidadãos", afirmou Buhari, citado pela agência France-Presse (AFP).

O Presidente defendeu que a nova moeda digital vai permitir melhorar o comércio transfronteiriço, a inclusão financeira para pessoas fora da economia forma e aumentar as remessas.

O lançamento do "eNaira", inicialmente previsto para 01 de outubro, foi adiado pelo Banco Central, que citou as celebrações do aniversário da independência do país.

As criptomoedas são amplamente utilizadas na Nigéria, tendo o país sido classificado como o terceiro maior utilizador destas moedas virtuais no mundo, atrás de Estados Unidos da América e Rússia.

Através destas criptomoedas, os nigerianos procuram escapar à constante depreciação da moeda loca, o naira, registada nos últimos anos.

Leia Também: PS Açores propõe ATL das 15h às 17h para todos os alunos do pré-escolar

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório