Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2021
Tempo
12º
MIN 7º MÁX 15º

Edição

UE e zona euro fecham 2020 com défices de 6,9% e 7,2% do PIB

O défice público subiu para 7,2% do PIB na zona euro e 6,9% na União Europeia em 2020, face ao ano anterior, com os 27 Estados-membros a apresentarem saldos negativos nas contas públicas, segundo o Eurostat.

UE e zona euro fecham 2020 com défices de 6,9% e 7,2% do PIB
Notícias ao Minuto

10:10 - 21/10/21 por Lusa

Economia Eurostat

O gabinete estatístico europeu aponta as medidas tomadas para combater a pandemia da covid-19 como a causa das subidas nos défices nas contas das administrações públicas.

Na zona euro, o défice público aumentou de 0,6% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019 para 7,2% em 2020 e na UE o agravamento foi de um défice de 0,5% para os 6,9% do PIB.

Em 2020, todos os Estados-membros apresentaram saldos negativos nas contas das suas administrações públicas, com os valores do défice mais elevados a serem registados em Espanha (11,0% do PIB), na Grécia (10,1%), em Malta (9,7%) e na Roménia (9,4%).

Entre os 27, só a Dinamarca (0,2%) e a Suécia (2,8%) apresentaram um valor do défice inferior a 3% do PIB.

O valor do défice em Portugal foi de 5,8% do PIB, que se compara com um excedente de 0,1% registado em 2019.

As regras orçamentais da UE -- que foram suspensas até 2022 (inclusive) devido à pandemia - estipulam um limite de 3% do PIB relativo ao défice.

Leia Também: FMI vê dívida portuguesa nos 130,8% do PIB e défice nos 4,8% este ano

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório