Meteorologia

  • 28 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Greenvolt aumentou capital social para 267 milhões

A Greenvolt aumentou o capital social para 267 milhões de euros depois de emitir 4.588.235 novas ações, num total de 19,4 milhões de euros, adiantou o grupo, em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Greenvolt aumentou capital social para 267 milhões
Notícias ao Minuto

20:03 - 27/07/21 por Lusa

Economia Greenvolt

Este aumento decorre da possibilidade dos investidores exercerem a 'greenshoe option', prevista na oferta particular de ações representativas do capital social da Greenvolt, de compra de mais 15% das ações do que o previsto, no período de 30 dias após o início da oferta.

"Nesses termos, o emitente [Greenvolt], emitiu 4.588.235 novas ações ordinárias, escriturais e nominativas, sem valor nominal, com um preço unitário de 4,25 euros (as "novas ações opcionais"), por ação, resultando num aumento de capital de 19.499.998,75 euros", lê-se no comunicado ao mercado.

"Deste modo, o capital social do emitente, que era de 247.599.998,75 euros, é atualmente de 267.099.997,50 euros, passando o capital social a estar representado por 121.376.470 ações ordinárias, escriturais e nominativas, sem valor nominal", indicou.

"A emissão das novas ações opcionais será efetuada na sequência do referido registo do aumento de capital na competente Conservatória do Registo Comercial", disse e empresa liderada por Manso Neto, salientando que as "novas ações opcionais serão fungíveis com as demais ações do emitente e conferirão aos seus titulares, a partir da data da respetiva emissão, os mesmos direitos que as ações existentes". 

"A totalidade das ações representativas do capital social e correspondentes direitos de voto do emitente estão admitidas à negociação no mercado regulamentado Euronext Lisbon", concluiu.

A Greenvolt anunciou em 26 de julho que iria deliberar um aumento de capital de 19.499.998,75 euros, depois de os 'managers' terem exercido a 'greenshoe option' de 4.588.235 ações, com um preço de 4,25 euros cada. 

Num comunicado enviado à CMVM, a Greenvolt, Energias Renováveis precisou que "os 'joint global coordinators', agindo em nome e por conta dos 'managers', exerceram a 'greenshoe option' hoje, dia 26 de julho de 2021, resultando na emissão por parte da Greenvolt de 4.588.235 ações adicionais, com um preço unitário de 4,25 euros por ação".

A empresa informou que iria, nos cinco dias úteis seguintes, "deliberar o correspondente aumento de capital, no valor de 19.499.998,75 euros", concretizado através da emissão das novas ações, referiu no comunicado.

As ações da Greenvolt começaram a ser negociadas na bolsa em 15 de julho.

Na Oferta Pública Inicial (IPO na sigla em inglês) que lançou junto de investidores institucionais, a Greenvolt definiu um intervalo de preço para venda de ações entre 4,25 e 5,0 euros, tendo fixado o valor no intervalo mais baixo.

A Greenvolt pretende integrar o PSI20, o principal índice da bolsa em Lisboa, em setembro, afirmou o presidente da Comissão Executiva (CEO) da empresa, João Manso Neto.

Leia Também: Greenvolt aumenta capital em mais de 19,4 milhões com novas ações

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório