Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Petrobras vai investir 245 milhões de euros para melhorar refinarias

A empresa estatal brasileira Petrobras anunciou na segunda-feira que investirá 300 milhões de dólares (245,3 milhões de euros) até 2025 para aumentar a eficiência e desempenho de refinarias que não estão no plano de desinvestimentos da companhia.

Petrobras vai investir 245 milhões de euros para melhorar refinarias
Notícias ao Minuto

09:16 - 25/05/21 por Lusa

Economia Brasil

O investimento será feito no âmbito do programa "RefTOP -- Refino de Classe Mundial", cujo objetivo é colocar a Petrobras entre as melhores companhias refinadoras de petróleo do mundo.

"O RefTOP consiste num conjunto de iniciativas que buscam implementar melhorias para aumentar a eficiência e desempenho operacional das refinarias que não estão na carteira de desinvestimento (...) e posicionar a Petrobras de forma mais competitiva na abertura do mercado de refino de petróleo no país", indicou a companhia em comunicado.

A Petrobras informou que as unidades que receberão o investimento milionário serão as refinarias Presidente Bernardes, Duque de Caxias, Capuava, Paulínia e Henrique Lage.

O programa promoverá o uso intensivo de tecnologias digitais, automatização e robotização nas refinarias da Petrobras, a maior empresa do Brasil.

O REfTOP também prevê iniciativas para o aperfeiçoamento do desempenho energético das refinarias, através de um melhor aproveitamento de elementos como gás natural, energia elétrica e vapor nas próprias operações.

"O programa tem forte viés de eficiência energética. Além de diminuirmos o nosso custo de energia, vamos passar a ter um processo de refino mais sustentável, com maior rentabilidade e menor emissão de gases de efeito estufa para o meio ambiente", destacou a gerente executiva de Refino da Petrobras, Elza Kallas.

A Petrobras, empresa controlada pelo Estado, mas com ações negociadas nas bolsas de valores de São Paulo, Nova Iorque e Madrid, lançou em 2019 um plano para vender oito das suas 13 refinarias, responsáveis por metade da capacidade de refinação.

Com esse plano, a petrolífera pretende reduzir o seu tamanho e a sua enorme dívida, e concentrar-se em atividades mais estratégicas e rentáveis, como a exploração de petróleo e gás nas gigantescas reservas que possui em águas muito profundas do Oceano Atlântico.

O plano de desinvestimento da empresa prevê a venda de ativos por até 23 mil milhões de dólares (18,8 mil milhões de euros) até 2023, dos quais cerca de oito mil milhões de dólares (6,54 mil milhões de euros) seriam fruto da venda das refinarias.

Leia Também: Petrolífera brasileira Petrobras prevê perfurar a foz do Amazonas em 2022

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório