Meteorologia

  • 24 JUNHO 2021
Tempo
27º
MIN 15º MÁX 32º

Edição

'Novas' ações da EDP Renováveis admitidas à negociação na sexta-feira

A EDP Renováveis informou hoje que espera que as 88.250.000 'novas' ações, correspondentes ao aumento de capital, com valor nominal de cinco euros cada e da mesma categoria das atualmente cotadas, sejam admitidas à negociação na sexta-feira.

'Novas' ações da EDP Renováveis admitidas à negociação na sexta-feira
Notícias ao Minuto

14:16 - 15/04/21 por Lusa

Economia Mercado

Num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a EDPR informa que se espera que as "'novas' ações sejam criadas, integradas na Central de Valores Mobiliários e admitidas à negociação na Euronext Lisbon em 16 de abril de 2021".

A admissão à negociação na sexta-feira das 'novas' ações surge depois da EDPR ter feito hoje o registo nas Asturias, Espanha, do aumento de capital de 1.500 milhões de euros através da colocação de 88.250.000 ações ordinárias, com valor nominal de cinco euros cada e da mesma categoria das atualmente cotadas.

A EDPR informa que consequentemente, o capital social da sociedade foi fixado em 4.802.790.810 euros, dividido em 960.558.162 ações, cada uma com um valor nominal de 5 euros, todas pertencentes a uma única categoria e série.

A EDPR refere ainda que hoje também requereu a criação e integração das 'novas' ações nas contas relevantes da Central de Valores Mobiliários, gerida pela Interbolsa -- Sociedade Gestora de Sistemas de Liquidação e de Sistemas Centralizados de Valores Mobiliários S.A., com sede no Porto.

Leia Também: Acionistas da EDP Renováveis aprovam dividendos e órgãos sociais

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório