Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

PIB da Alemanha recua menos que inicialmente anunciado

O Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha caiu 4,9% em 2020, menos uma décima que inicialmente anunciado, disse hoje a agência federal de estatística alemã, Destatis, que atualizou os dados relativos ao último trimestre do ano passado.

PIB da Alemanha recua menos que inicialmente anunciado
Notícias ao Minuto

11:10 - 24/02/21 por Marta Contreras

Economia 2020

A economia alemã cresceu 0,3% nos últimos três meses de 2020 - e não 0,1% como a Destatis tinha anunciado anteriormente quando publicou os dados preliminares no final de janeiro - fazendo com que o valor anual seja ligeiramente abaixo dos 5% então estimados.

No ano passado, a economia alemã sofreu uma queda drástica de até 9,7% no segundo trimestre, seguida de uma forte recuperação, de 8,5%, no terceiro trimestre.

"No quarto trimestre essa recuperação abrandou devido ao novo confinamento decretado para travar a segunda vaga da covid-19", explicou a Destatis num comunicado.

A revisão dos dados relativos aos últimos meses do ano em que a crise da covid-19 eclodiu proporciona, portanto, uma visão ligeiramente menos negativa do que a comunicada, embora a Destatis confirme a queda do consumo interno, de menos 3,3% no quarto trimestre em comparação com o terceiro.

Este número é, contudo, menos dramático do que o do segundo trimestre, quando a queda do consumo interno atingiu 11% devido ao impacto do primeiro confinamento, que na Alemanha nunca foi tão rigoroso como noutros países europeus.

O comércio externo foi o suporte da recuperação registada no final do ano, já que no último trimestre foram exportados mais 4,5% bens e serviços do que no terceiro e as importações aumentaram 3,7%, com menos força porque foram adquiridos menos serviços nesse período, explicou a Destatis.

A agência compara os resultados da economia alemã com os de outros países europeus e constata diferenças, pois enquanto em Espanha, como na Alemanha, o último trimestre registou uma recuperação (0,4% no caso espanhol), o PIB caiu 1,3% em França e 2% em Itália.

A Destatis observa também que toda a União Europeia registou no quarto trimestre de 2020 uma queda de 0,4% em relação ao trimestre anterior e que nos Estados Unidos o PIB cresceu 1% naquele período.

Leia Também: Condenação histórica de um ex-agente sírio na Alemanha

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório