Meteorologia

  • 21 ABRIL 2021
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 19º

Edição

Atenção ao prazo: Tem até amanhã para validar as faturas para o IRS

Se ainda tem faturas pendentes e não quer perder dinheiro, o melhor é aceder ao Portal das Finanças e classificar as suas despesas referentes ao ano passado. 

Atenção ao prazo: Tem até amanhã para validar as faturas para o IRS

O prazo para validar as faturas para efeitos do IRS termina na quinta-feira, dia 25 de fevereiro. Por este motivo, se ainda tem faturas pendentes e não quer perder dinheiro, o melhor é aceder ao Portal das Finanças e classificar as suas despesas referentes ao ano passado.

Como é habitual, quando as Finanças têm dúvidas sobre a categoria das despesas deixam-na pendente para que o contribuinte indique os dados em falta.

É importante validar as faturas porque as que continuem pendentes após o dia 25 de fevereiro não contam como dedução no IRS. Ou seja, se não as validar estará, eventualmente, a perder dinheiro.

Depois, a partir de 15 de março, a Autoridade Tributária (AT) vai disponibilizar, no Portal das Finanças, os montantes das despesas consideradas para efeitos de dedução à coleta de 2020 e das despesas e encargos afetos à atividade.

A entrega do IRS propriamente dita só acontece entre 1 de abril e 30 de junho. Este ano, sublinhe-se, o IRS automático será alargado aos profissionais liberais que estejam inscritos na AT para o exercício de uma atividade de prestação de serviços.

Desta forma, os trabalhadores independentes começam também a ser abrangidos pelo IRS automático, o que acontece pela primeira vez, sendo que para beneficiarem deste automatismo terão de estar no regime simplificado e de emitirem através do Portal das Finanças as faturas, faturas-recibo e recibos no Sistema de Recibos Eletrónicos.

Fisco tem uma app que pode ajudar

A AT criou uma nova aplicação oficial e-fatura através da qual os contribuintes podem proceder ao registo imediato de faturas através da leitura de código QR ou consultar as deduções acumuladas.

A app permite ainda aos contribuintes classificar as faturas emitidas com o seu número de identificação fiscal (NIF), ou seja, associá-las ao tipo de dedução a que correspondem em sede de IRS.

Através da nova aplicação, disponível para Android e iOS, os contribuintes podem também ficar a par do montante de benefícios acumulados com as faturas.

Leia Também: Estas são as despesas que valem um desconto no IRS

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório