Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 4º MÁX 14º

Edição

Mais de 10 mil empresas já se candidataram ao Programa Apoiar

Traduzindo um total solicitado de incentivo superior a 116 milhões de euros. Dotação global do programa é de 750 milhões de euros.

Mais de 10 mil empresas já se candidataram ao Programa Apoiar

Com uma dotação global de 750 milhões de euros a fundo perdido, o Programa Apoiar registou, até às 11h30 desta sexta-feira, mais de 10.000 candidaturas submetidas, traduzindo um total solicitado de incentivo superior a 116 milhões de euros por parte das empresas que atuam nos setores mais afetados pelas medidas excecionais de mitigação da crise sanitária.

"Estes dados traduzem uma procura sem precedente nos sistemas de incentivos, tendo sido batidos todos os recordes do Portugal 2020, que, até aqui, haviam sido atingidos com o Programa Adaptar, que registou, em 11 dias, 17 067 candidaturas, com um máximo diário de 2 687 submissões", refere o Governo, em comunicado. 

Na quinta-feira, bastonária da Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC) apontou vários erros na ligação ao Apoiar, que classificou como normais tendo em conta que o programa é recente, assegurando que, até ao final da semana, deve estar estabilizado.

A medida Apoiar.pt destina-se a micro e pequenas empresas dos setores do comércio, serviços, restauração e atividades culturais e turísticas que tenham sofrido quebras de faturação superiores a 25% nos primeiros nove meses do ano face ao período homólogo.

As microempresas podem receber até 7.500 euros, sendo o valor máximo destinado a pequenas empresas de 40.000 euros. Os beneficiários ficam obrigados a manter os postos de trabalho e sua atividade e a não distribuir lucros ou outros fundos a sócios.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório