Meteorologia

  • 26 SETEMBRO 2020
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 23º

Edição

Fed inicia última reunião antes das presidenciais nos EUA

A Reserva Federal (Fed) norte-americana iniciou hoje uma reunião de política monetária de dois dias, a última antes das eleições presidenciais de 03 de novembro, com democratas e republicanos num impasse sobre um novo plano de ajuda à economia.

Fed inicia última reunião antes das presidenciais nos EUA
Notícias ao Minuto

17:04 - 15/09/20 por Lusa

Economia Fed

Esta reunião tem lugar depois de a Fed ter adotado uma postura mais flexível nos seus objetivos de inflação em finais de agosto.

As modificações na política da Fed anunciadas pelo seu presidente, Jerome Powell, permitem que a inflação possa ultrapassar a meta de 2% "durante algum tempo" para evitar uma subida das taxas de juro e continuar a apoiar a economia e fomentar o emprego.

Após a reunião, o banco central norte-americano vai divulgar novas previsões para a economia dos Estados Unidos, dados aguardados com expectativa num contexto de grande incerteza devido aos efeitos da pandemia de covid-19.

Antes do verão, a Fed apontava para um recuo de 6,5% do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos em 2020, antes de uma recuperação de 5% em 2021 e de um crescimento de 3,5% em 2022.

O PIB registou um recuo de 31,7% no segundo trimestre, em ritmo anualizado.

Quanto ao desemprego, a Fed previa uma taxa de 9,3% em 2020, antecipando também uma queda para 6,5% em 2021 e para 5,5% no ano seguinte.

Mas no mês de agosto os números relativos ao desemprego melhoraram e a taxa caiu para 8,4%, depois de ter atingido um pico de 14,7% em abril.

As taxas de juro, que se encontram desde março entre 0% e 0,25%, não devem ser alteradas nos próximos meses.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório