Meteorologia

  • 27 OUTUBRO 2021
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Vendas de automóveis na China crescem 16,4% em julho

As vendas de automóveis na China registaram um aumento homólogo de 16,4%, em julho, para 2,1 milhões de unidades, informou hoje a Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis.

Vendas de automóveis na China crescem 16,4% em julho
Notícias ao Minuto

10:17 - 11/08/20 por Lusa

Economia China

A mesma fonte informou que as vendas de automóveis de passageiros aumentaram 8,5%, em relação ao ano anterior, para 1,67 milhões de unidades.

Nos primeiros sete meses do ano, as vendas de veículos de passageiros caíram 18,4%, em relação ao mesmo período do ano anterior, para 9,5 milhões de unidades, já que muitas cidades na China adotaram estritas medidas de distanciamento social, durante o primeiro trimestre, para combater a epidemia do novo coronavírus.

A procura já estava em declínio antes de a epidemia atingir a China: Em 2019, as vendas de automóveis caíram pelo segundo ano consecutivo na China, à medida que a guerra comercial com Washington e a desaceleração da economia chinesa afetaram a confiança dos consumidores.

No entanto, os clientes parecem ter voltado às concessionárias.

"A tendência é boa, depois de termos recuperado o ímpeto, durante o segundo trimestre do ano", disse o grupo em um comunicado.

A contração do mercado chinês prejudicou as fabricantes globais, cujo aumento das receitas depende do mercado chinês, face a crescimentos anémicos nos Estados Unidos e na Europa.

A procura por veículos elétricos, uma das grandes apostas das marcas globais para o mercado chinês, enfraqueceu no ano passado, depois de Pequim ter reduzido os subsídios que ajudaram a transformar a China no maior mercado do setor, respondendo por metade das vendas globais.

Mas, em julho, as vendas de veículos híbridos e elétricos recuperaram, com um aumento de 19,3%, para 98.000 unidades.

No conjunto dos primeiros sete meses do ano as vendas caíram 32,8%, para 486 mil unidades.

As vendas de veículos comerciais, sobretudo camiões, aumentaram 59,4%, em relação ao mesmo período do ano anterior, para 447.000 unidades.

No conjunto dos primeiros sete meses do ano, as vendas cresceram 14,3%, em relação ao mesmo período do ano anterior, para 2,8 milhões de unidades.

O mercado da China ainda é dominado por marcas estrangeiras.

As vendas de modelos de marcas chinesas aumentaram 4,5%, em julho, em termos homólogos, para 585.000 de unidades, fixando a quota de mercado em 35,1%, ligeiramente abaixo do ano anterior.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório