Meteorologia

  • 25 NOVEMBRO 2020
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Quebra na economia é "brutal", mas que ainda não está contabilizada

Costa diz que é necessário aguardar pela contabilização dos danos na economia, para que depois seja entregue um orçamento suplementar.

Quebra na economia é "brutal", mas que ainda não está contabilizada

O primeiro-ministro, António Costa, disse, esta quarta-feira, na Assembleia da República que é necessário aguardar pelos números que revelam o impacto real da crise gerada pela Covid-19, antes de ser entregue um orçamento suplementar. 

"Neste momento, ainda ninguém sabe totalmente o grau de queda da economiaSabemos que é brutal, mas não sabemos a dimensão. Aguardemos por final de maio" para conhecer o impacto e quais as medidas da UE.

Depois dessa fase, Costa vai sentar-se à mesa com os partidos para responder à fase de recuperação, referindo que isso será essencial para a apresentação do orçamento suplementar antes da interrupção do Parlamento para férias. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório