Meteorologia

  • 26 MAIO 2022
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 32º

Covid-19: Bolsa de valores brasileira abre em queda de mais de 8%

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) recuou hoje cerca de 8% na abertura do mercado, indicando outro dia de pânico causado pela crise económica e sanitária global do novo coronavírus.

Covid-19: Bolsa de valores brasileira abre em queda de mais de 8%
Notícias ao Minuto

15:07 - 18/03/20 por Lusa

Economia mercados

O índice Ibovespa, onde são negociadas as ações das maiores empresas do Brasil, chegou a recuar 8,33% operando aos 68.398 pontos.

Por volta das 11:20 locais (14:20 em Lisboa) o Ibovespa caia 7,26% aos 69.197 pontos.

No mercado de câmbio, o dólar abriu a sessão com forte alta com cada dólar cotado a 5,18 reais no câmbio comercial, mas o avanço da moeda norte-americana face ao real perdeu um pouco de força. Às 11:20, o dólar comercial era negociado a 5,07 reais.

A crise causada pelo surgimento da Covid-19 terá impacto em economias de todo o mundo.

No Brasil, onde a economia ainda não se recuperou da recessão que atingiu o país entre os anos de 2015 e 2016, quando o Produto Interno Bruto (PIB) recuou sete pontos percentuais, ainda não há projeções exatas sobre o impacto económico da doença.

Como o país mantém uma recuperação lenta e insuficiente, com alta do PIB de 1,3% em 2017 e 2018, taxa que caiu para 1,1% em 2019, espera-se que a queda da atividade económica causada por ações de isolamento da população altere as projeções de crescimento.

O ministro da Economia brasileiro, Paulo Guedes, reconheceu que, dependendo do impacto da Covid-19, a economia do país pode crescer 1% em 2020, valor muito abaixo da última estimativa oficial, que era de 2,1% para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), divulgada no início deste mês pelo Governo brasileiro.

O coronavírus responsável pela pandemia da Covid-19 infetou mais de 200 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.200 morreram.

Das pessoas infetadas, mais de 82.500 recuperaram da doença.

A China registou nas últimas 24 horas 11 mortos e 13 novos casos infeção pela Covid-19, mas só um é de Wuhan, todos os outros 12 são importados.

O surto começou na China, em dezembro, e espalhou-se por mais de 146 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório