Meteorologia

  • 03 JULHO 2022
Tempo
27º
MIN 17º MÁX 28º

Lucro da Siemens sobe 6,6% no 1.º trimestre do ano fiscal

A Siemens alcançou um lucro de 1.081 milhões de euros no primeiro trimestre do exercício 2019/2020, mais 6,6% que no ano fiscal anterior, devido ao pagamento de menos impostos, indicou hoje o grupo industrial alemão.

Lucro da Siemens sobe 6,6% no 1.º trimestre do ano fiscal
Notícias ao Minuto

10:27 - 05/02/20 por Lusa

Economia Siemens

O resultado líquido da Siemens também foi afetado pelo seu negócio na área da energia e da mobilidade que registou um desempenho fraco.

A faturação da Siemens no período em análise subiu 1%, para 20.317 milhões de euros, mas os pedidos de encomendas diminuíram 1,6%, para 24.759 milhões de euros.

O presidente e presidente executivo da Siemens, Joe Kaiser, explicou que, "depois de terminar o ano fiscal com força, o primeiro trimestre começou menos pujante [para o grupo], como se esperava, devido ao fraco comportamento dos negócios de energia".

A Siemens comprou à Iberdrola 8,07% da participação que detinha na Siemens Gamesa por 1.099,5 milhões de euros.

Kaeser confirmou que o grupo pretende retirar o negócio da Siemens Energy da bolsa de Frankfurt em setembro deste ano, decisão que já tinha sido comunicada.

A Siemens confirmou as suas previsões para o ano fiscal de 2020 e espera que o ambiente macroeconómico permaneça débil ao longo do ano, devido aos riscos relacionados com as incertezas geopolíticas e geoeconómicas.

Assim, a Siemens espera uma queda moderada no volume de faturação nos seus negócios de ciclo curto e para este ano espera um crescimento global moderado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório