Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2021
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 26º

Edição

BPI perde 48 trabalhadores e 15 balcões em 2019

O BPI perdeu 48 trabalhadores e 15 balcões em 2019, de acordo com dados hoje divulgados juntamente com os resultados de 2019 do banco, um lucro de 327,9 milhões de euros.

BPI perde 48 trabalhadores e 15 balcões em 2019
Notícias ao Minuto

08:41 - 03/02/20 por Lusa

Economia BPI

Segundo a apresentação enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o banco detido integralmente pelo espanhol CaixaBank fechou o ano de 2019 com menos 48 trabalhadores face a 2018, passando de 4.888 funcionários para 4.840 entre os dois anos.

Relativamente a balcões, passaram de 421 para 406 entre o final de 2018 e o mesmo período de 2019.

No entanto, o banco assinala que para além dos 406 balcões existentes no final do ano passado, conta ainda com "36 centros 'premier', um balcão móvel e 34 centros de empresas, o que perfaz um total de 477 unidades comerciais".

Face aos números relativos ao final do terceiro trimestre de 2019, o banco liderado por Pablo Forero perdeu um balcão e 29 trabalhadores.

Em termos de custos recorrentes com pessoal, o banco registou, no entanto, uma subida de 1,4% entre 2018 e 2019, passando de 241,1 milhões de euros para 244,6 milhões entre os dois anos.

No total, os custos de estrutura recorrentes aumentaram 4,3%, de 434,7 milhões de euros para 446,6 milhões de euros entre 2018 e 2019.

Todavia, contabilizando impactos não recorrentes (que foram positivos em 24,2 milhões de euros em 2018 e 1,5 milhões em 2019), os custos de estrutura registaram uma descida dos 458,9 milhões de euros em 2018 para os 448,1 milhões em 2019.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório