Meteorologia

  • 29 JANEIRO 2020
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 16º

Edição

PSI20 segue em baixa com BCP e Jerónimo Martins a pressionarem

A bolsa de Lisboa seguia hoje a negociar em baixa, em linha com a Europa, com o BCP e a Jerónimo Martins a pressionarem as negociações.

PSI20 segue em baixa com BCP e Jerónimo Martins a pressionarem
Notícias ao Minuto

09:25 - 13/11/19 por Lusa

Economia PSI20

Cerca das 08:50 (hora em Lisboa), o principal índice, o PSI20, seguia a negociar em baixa de 0,31% para 5.287,38 pontos, com 11 ações em queda, quatro em alta e três inalteradas.

A Sonae Capital e a Altri eram as empresas que mais desciam, a perderem 2,34% e 1,83%, respetivamente, para 0,79 euros e 5,89 euros.

O BCP seguia a perder 1,12% para 0,21 euros e a Jerónimo Martins recuava 0,23% para 15,39 euros.

A Galp descia também 0,10% para 15,03 euros.

A Sonae, que hoje publicará os resultados correspondentes aos nove primeiros meses do ano, seguia a descer 0,90% para 0,93 euros, com o analista da XTB André Pires a referir que as expectativas "são boas, apontando para 95 milhões de euros, mas ainda assim, 10% menos do que no período homólogo".

Os mercados europeus iniciaram a sessão de hoje ligeiramente em baixa, numa correção às altas expectativas criadas em torno do discurso dado pelo Presidente dos EUA.

Segundo André Pires, embora o Presidente dos EUA, Donald Trump, tenha declarado o desejo de fechar o acordo de primeira fase com a China, não deixou de alertar para que, caso não consigam chegar a um consenso concreto, os americanos poderão aumentar as tarifas aduaneiras sobre a China.

"Esta 'ameaça' poderá servir de cartada no sentido de pressionar os chineses a uma maior predisposição na procura de um acordo", refere.

Os EUA deverão pronunciar-se hoje sobre a aplicação, ou não, de tarifas às importações do setor automóvel da União Europeia. No entanto, existe a possibilidade de se adiar a decisão para daqui a seis meses, acrescenta.

Para hoje, o IGCP, agência gestora da dívida pública portuguesa, vai realizar um novo leilão, com o objetivo de emitir obrigações a 10 anos, num montante total de até 1.000 milhões de euros.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório