Meteorologia

  • 24 MAIO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

Inquérito CGD: "É impossível" não participar num projeto como a Artlant

O ex-diretor de risco da Caixa Geral de Depósitos (CGD) Vasco Orey disse hoje que "é impossível" o banco público não participar num projeto como a Artlant, classificado como Projeto de Interesse Nacional (PIN).

Inquérito CGD: "É impossível" não participar num projeto como a Artlant
Notícias ao Minuto

22:18 - 11/04/19 por Lusa

Economia Ex-diretor

impossível a Caixa não entrar num projeto como esses", afirmou Vasco Orey durante a sua audição na segunda comissão parlamentar de inquérito à recapitalização e gestão da CGD, que decorre desde as 17h00 na Assembleia da República, em Lisboa.

"Eu não diria que é difícil, diria que é impossível" o banco público não participar num projeto como o da Artlant, reforçou, acrescentando que, "dado que um projeto é PIN, se forem dadas garantias suficientes, é impossível a Caixa não participar".

A auditora EY identifica a operação de financiamento pelo banco público à Artlant, criada para o projeto da fábrica da La Seda de Barcelona, em Sines, como uma das mais danosas para a CGD.

A auditoria preliminar conta a história desta operação, que tem início em 2007 e que envolveu um crédito concedido de mais de 350 milhões de euros, com imparidades de 60,2% para a CGD, à data de 2015.

Neste ano, foi homologado o Processo Especial de Revitalização da Artlant, criada para o projeto petroquímico de Sines, que iria ser desenvolvido pela espanhola La Seda, ela própria em insolvência.

A CGD tinha comprado, antes disso, 5% do capital da empresa espanhola com o objetivo de influenciar a localização da fábrica. Neste caso, o banco acabou por perder 53 milhões de euros, de acordo com a EY.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório