Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2019
Tempo
MIN 8º MÁX 11º

Edição

Conselho de Ministros aprova fim das faturas em papel

Objetivo é criar condições para que a fatura deixe de ser impressa já no próximo ano.

Conselho de Ministros aprova fim das faturas em papel
Notícias ao Minuto

12:46 - 13/12/18 por Beatriz Vasconcelos 

Economia Decreto

O fim das faturas em papel vai mesmo avançar. Foi aprovado, esta quinta-feira, em Conselho de Ministros o decreto-lei que prevê a criação de condições para que as faturas deixem mesmo de ser impressas. 

"Foi aprovado o decreto-lei que procede à regulamentação das obrigações relativas ao processamento de faturas e outros documentos fiscalmente relevantes, bem como das obrigações de conservação de livros, registos e respetivos documentos de suporte que recaem sobre os sujeitos passivos de IVA. (...) Pretende-se, ainda, promover as potencialidades do sistema e-fatura no combate à fraude e evasão fiscais, simplificando também algumas obrigações em sede de IVA e criando condições para que a fatura deixe de ser impressa em papel", pode ler-se num comunicado. 

Quer isto dizer que a partir do início do próximo ano, os comerciantes serão dispensados de dar faturas em papel aos clientes, mas as faturas não vão acabar, apenas continuam a ser comunicadas automaticamente à Autoridade Tributária (AT). 

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos, Paulo Ralha, já tinha dito, em declarações ao Notícias ao Minuto, que apesar de esta medida ter uma componente ecológica importante, é inócua do ponto de vista fiscal

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório