Meteorologia

  • 24 ABRIL 2018
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 17º

Edição

I Liga - Os lances mais polémicos do principal escalão

Mais vídeos

Sindicato condena agressões a jornalistas após o Benfica-FC Porto

O organismo emitiu um comunicado, esta segunda-feira.

Sindicato condena agressões a jornalistas após o Benfica-FC Porto
Notícias ao Minuto

14:37 - 16/04/18 por Notícias Ao Minuto

Desporto Comunicado

Esta segunda-feira, o sindicato de jornalistas emitiu um comunicado onde condena as agressões a jornalistas, no último domingo, junto ao Estádio da Luz, a propósito do Clássico entre Benfica e FC Porto. 

"O Sindicato dos Jornalistas (SJ) condena as agressões de que foram vítimas alguns jornalistas, devidamente identificados e no exercício da profissão, no domingo, junto ao Estádio da Luz, após o jogo Benfica-FC Porto, manifestando total solidariedade e apoio legal aos camaradas em questão", pode ler-se, no site oficial do organismo.

O Sindicato de Jornalistas lamenta ainda "o clima de hostilidade constante no Futebol e a crescente violência que tem extravasado as quatro linhas e atingido os jornalistas em exercício de funções."

Leia o comunicado na íntegra: 

"O Sindicato dos Jornalistas (SJ) condena as agressões de que foram vítimas alguns jornalistas, devidamente identificados e no exercício da profissão, no domingo, junto ao Estádio da Luz, após o jogo Benfica-FC Porto, manifestando total solidariedade e apoio legal aos camaradas em questão.

O SJ lembra que, recentemente, a Assembleia da República aprovou uma alteração do Código Penal que passou a considerar crime público "as agressões a jornalistas no exercício das suas funções ou por causa delas" – alteração que já foi promulgada pelo Presidente da República – e que os jornalistas passaram a integrar a lista de profissões com direito a "protecção acrescida".Nesse sentido, o SJ reportará os incidentes às entidades responsáveis pela segurança dos jornalistas no local, exigindo que sejam apuradas responsabilidades.

O SJ lamenta o clima de hostilidade constante no Futebol e a crescente violência que tem extravasado as quatro linhas e atingido os jornalistas em exercício de funções, de forma completamente injustificada, apelando a que as entidades responsáveis continuem a refletir sobre este assunto e, sobretudo, ajam em conformidade."

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.