Meteorologia

  • 19 MAIO 2024
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 21º

"Sp. Braga-FC Porto não é de vida ou morte. Mas a final da Taça é"

O Desporto ao Minuto falou em exclusivo com Jorge Amaral, antigo guarda-redes do FC Porto, sobre o último jogo dos dragões na Liga. Amaral diz que os bracarenses "não têm nada a perder" e coloca a tónica no Jamor.

"Sp. Braga-FC Porto não é de vida ou morte. Mas a final da Taça é"
Notícias ao Minuto

08:00 - 15/05/24 por David Silva

Desporto Exclusivo

O FC Porto desloca-se até Braga, no sábado, naquela que será a última jornada da I Liga desta época, antes da final da Taça de Portugal. Já com o título entregue ao Sporting, os portistas jogam na Pedreira, pelas 20h30, na segunda volta do campeonato. 

Na derradeira ronda, os portistas podem assegurar o terceiro lugar, que só o Sp. Braga pode roubar. Para isso, têm de ganhar ou empatar. Se perderem, o FC Porto fica no quarto lugar, que dá acesso apenas à segunda pré-eliminatória da Liga Europa.

Jorge Amaral, antigo guarda-redes do FC Porto, fez a antevisão da partida, em entrevista exclusiva ao Desporto ao Minuto. "O FC Porto pode 'jogar' com dois resultados, quer queiramos, quer não. Vai, certamente, manter a sua ideia de jogo, de uma equipa para ganhar, sem pensar no empate. Depois, durante o jogo, as coisas podem mudar. A priori, o FC Porto vai jogar para ganhar, mas, lá, é sempre complicado. O Sp. Braga não tem nada a perder. Tem tudo a ganhar e vai assumir o jogo", afirmou.

Na primeira mão, os dragões venceram, por 2-0, com golos de Fábio Cardoso e Evanilson. Agora, Jorge Amaral diz que o "contexto é diferente", pois, "na altura, estava tudo em competições europeias, agora, estão mais libertos". O confesso portista acredita que saída de Artur Jorge não fragilizou a equipa.

"Penso que o Sp. Braga tem jogadores experientes. O Sp. Porto podia ter ganho por mais, podia ter havido um resultado diferente. Não vejo um Sp. Braga diferente, mas, em termos físicos, eles têm um plantel bastante equilibrado, com opções de banco que podem marcar a diferença. Independentemente disso, este vai ser um jogo competitivo", afirma. 

FC Porto pode garantir fase de grupos da Liga Europa se ganhar no Jamor

Mesmo que percam, na Pedreira, os portistas ainda podem apurar-se de forma direta para a fase de grupos da Liga Europa, caso ganhem ao Sporting, na final da Taça de Portugal, no dia 26 de maio. "Este jogo não é de vida ou de morte para o FC Porto, porque não vai significar uma época. Uma Taça de Portugal, já é um jogo de vida ou morte. Mas este é um jogo que pode significar o terceiro lugar, que é o chamado 'do mal o menos'", afirma o antigo internacional luso.

Se o FC Porto vencer na final da Taça de Portugal, evita a primeira época a 'seco' de Sérgio Conceição no FC Porto, pois ganhou sempre, pelo menos, um troféu nas últimas sete temporadas. Para Amaral, esta final poderá ter um significado diferente das outras:

"Os títulos são sempre importantes. Se bem que não é um título que vai menorizar uma época desequilibrada a todos os níveis. Mas, quer queiramos, quer não, é um título. É uma Taça de Portugal, juntamente com a despedida de um presidente de 42 anos. Tem um significado totalmente diferente, não é uma final da Taça igual às outras cinco finais que o Sérgio teve", refere. 

   Vencer uma Taça de Portugal com Pinto da Costa no banco tem um significado muito maior

A própria continuidade de Sérgio Conceição no cargo não é certa. Tem sido associado ao AC Milan, de Itália, e, além disso, o treinador tem uma cláusula no contrato que permite a sua resolução no final desta época, devido à vitória de André Villas-Boas nas eleições para os órgãos sociais do clube. Para Amaral, os portistas devem estar "orgulhosos" da sua passagem no Porto. 

"A última imagem é a que as pessoas registam sempre. Não podemos esquecer sete anos de Conceição, possivelmente, com 11 títulos, do trabalho feito, dos jogadores que saíram, do investimento menor do que os outros grandes. O trabalho é extremamente meritório. Vencer uma Taça de Portugal com Pinto da Costa no banco tem um significado muito maior. É um registo que fica bem vincado. Se não ganhar, como pode acontecer, porque o Sporting é uma equipa confiante, não é isso que vai manchar os sete anos de Sérgio, de uma ligação ao FC Porto que todos os portistas devem ter orgulho", termina. 

Leia Também: FC Porto mostra euforia de Villas-Boas e Pinto da Costa no golo de Taremi

Leia Também: Os 10 goleadores dos 42 anos de Pinto da Costa à frente do FC Porto

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório