Meteorologia

  • 23 MAIO 2024
Tempo
23º
MIN 12º MÁX 23º

Acordo entre FC Porto SAD e Ithaka pode ser quebrado depois das eleições

O contrato estabelecido entre a FC Porto SAD e a sociedade Ithaka Infra III para a exploração comercial do Estádio do Dragão poderá ser quebrado até 01 de julho, disse hoje o presidente do vice-campeão nacional de futebol.

Acordo entre FC Porto SAD e Ithaka pode ser quebrado depois das eleições
Notícias ao Minuto

23:31 - 19/04/24 por Lusa

Desporto FC Porto

"Se algum candidato que vier a ser eleito não quiser, pode rescindir o contrato até 01 de julho. É só devolver os 65 milhões de euros (ME)", reconheceu Pinto da Costa, que se recandidata a um 16.º mandato consecutivo nas eleições dos 'dragões', em 27 de abril.

O líder máximo portista falava à comunicação social à margem de um jantar-convívio em Penafiel, um dia depois de a SAD ter comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a concretização de um acordo por 25 anos com a espanhola Ithaka.

"Andamos com este contrato há um ano e meio e fechámos agora. Uma das premissas é que os 65 ME que nos vão pagar só virão em junho, já depois das eleições e da tomada de posse de quem ganhar. Por isso, não é para nos salvar as contas nem para resolver problemas", assegurou, acerca de um acordo que tem o apoio operacional da companhia norte-americana Legends e consultoria financeira e estratégica da Key Capital Partners.

Pinto da Costa qualificou como "um disparate de todo o tamanho" as críticas deixadas na quinta-feira por André Villas-Boas, ex-treinador da equipa de futebol do FC Porto e seu adversário eleitoral, quanto à aceleração destas negociações a nove dias do escrutínio.

"Como é que se pode criticar uma coisa destas? Eu não percebo. É a mesma coisa que criticar uma academia. Todos tínhamos o sonho de ter uma grande academia e teremos aquela que será a melhor em Portugal. Está tudo pronto e continua-se a criticar? É uma barbaridade. O candidato André Villas-Boas disse que a academia era uma utopia e um chorrilho de mentiras. Se ele tivesse carácter, tinha pedido desculpa por me ter ofendido publicamente", atirou, sobre uma das suas promessas eleitorais, que se situará na Maia.

A FC Porto SAD pormenorizou à CMVM que a Ithaka "terá direito ao longo dos próximos 25 anos a 30% dos direitos económicos de uma nova sociedade (a incorporar no Grupo FC Porto), que se vai dedicar a incrementar o potencial comercial" do Estádio do Dragão.

"A Ithaka vai investir 65 ME no FC Porto, dos quais cerca de 30 ME serão integralmente reinvestidos no estádio ao longo dos primeiros anos, sendo o remanescente destinado a aumentar a competitividade do FC Porto. Após o decurso do prazo de 25 anos, o clube recupera 100% dos direitos económicos do estádio", vincou a sociedade, que mantêm o controlo e a gestão sobre as operações daquele recinto e a propriedade total do mesmo.

As eleições dos órgãos sociais do FC Porto para o quadriénio 2024-2028 são disputadas por três candidaturas, encabeçadas pelo atual presidente 'azul e branco', Pinto da Costa (lista A), André Villas-Boas (B) e Nuno Lobo (C), empresário e professor, incluindo ainda uma lista independente ao Conselho Superior comandada por Miguel Brás da Cunha (D).

O ato eleitoral decorre em 27 de abril, das 09:00 até às 20:00, no Estádio do Dragão, no Porto, numa altura em que Pinto da Costa está a cumprir o 15.º mandato seguido, desde 1982, detendo o estatuto de dirigente com mais títulos e longevidade do futebol mundial

Leia Também: Pinto da Costa sobre Zubizarreta e Jorge Costa: "Não compreendo bem..."

Leia Também: Pinto da Costa e a queda do FC Porto na Youth League: "Alguns atletas..."

Leia Também: 'Show' de Dembélé no regresso a Barcelona vale prémio na Champions

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório