Meteorologia

  • 21 FEVEREIRO 2024
Tempo
18º
MIN 10º MÁX 20º

Do drama familiar ao ouro. Como Diogo Ribeiro chegou ao topo do mundo

Nadador português sagrou-se campeão do mundo dos 50 metros mariposa, em Doha.

Do drama familiar ao ouro. Como Diogo Ribeiro chegou ao topo do mundo

Diogo Ribeiro alcançou, esta terça-feira, o melhor resultado de sempre da natação portuguesa (e um dos maiores feitos da história do desporto nacional), ao sagrar-se campeão do mundo dos 50 metros mariposa, em Doha, no Qatar.

O atleta do Benfica completou o percurso em meros 22,97 segundos, o que lhe permitiu terminar à frente do norte-americano Michael Andrew (23,07 segundos) e do australiano Cameron McEvoy (23,03 segundos), 'vingando' a final de 2023, em Fukuoka, onde se ficou pelo segundo lugar.

Aos 19 anos de idade, o coimbrense, que deu os primeiros passos na modalidade nas escolas de natação da Fundação Beatriz Santos, fez o que muitos consideravam ser impensável. No entanto, a 'escalada' esteve longe de ser a mais simples.

Com apenas quatro anos, Diogo Ribeiro ficou órfão, depois de o pai, Paulo Ribeiro, andebolista da Académica, ter sofrido um enfarte agudo do miocárdio durante um jogo de futebol com amigos. Mais tarde, aos 16 anos, foi viver sozinho para Lisboa, para dar continuidade ao sonho de singrar no desporto.

O jovem começou por viver no Centro de Alto Rendimento do Jamor, e passou por um valente susto, quando em 2021, apenas três dias depois de ter conquistado uma medalha de prata nos Europeus de juniores nos 100 metros mariposa, sofreu um grave acidente de viação.

Diogo Ribeiro seguia de moto quando foi derrubado por um carro, em Coimbra, e sofreu várias lesões, que chegaram a colocar em causa a continuidade na natação. Ainda assim, o Benfica manteve a palavra e levou-o para as suas fileiras.

O nadador, por seu lado, não desiludiu. Só nas duas últimas temporadas, fixou um total de... 16 recordes nacionais absolutos, seis vezes nos 50 metros mariposa, quatro vezes nos 100 metros mariposa, cinco vezes nos 100 metros livres e uma vez nos 50 metros livres.

As atenções viram-se, agora, para a capital francesa de Paris, onde, entre 26 de julho e 11 de agosto, vai disputar os primeiros Jogos Olímpicos da carreira. As expetativas estão em alta... mas é preciso recordar que são apenas 19 'aninhos' de idade.

Leia Também: Diogo Ribeiro sagra-se campeão do mundo de 50 metros mariposa

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório