Meteorologia

  • 02 MARçO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

Petit quer um Boavista "forte" para vencer o Arouca

O treinador do Boavista disse hoje que a sua equipa tem de ser "forte para voltar às vitórias" já no domingo na receção ao Arouca, último classificado, na 12.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Petit quer um Boavista "forte" para vencer o Arouca
Notícias ao Minuto

14:05 - 02/12/23 por Lusa

Desporto I Liga

Na antevisão desse jogo, Petit afirmou querer que a sua equipa evite "erros" que lhe têm sido fatais, como sucedeu, segundo opinou, na derrota com o mesmo Arouca para a Taça de Portugal (2-2 no tempo regulamentar, 4-3 após penáltis), e seja "forte, para voltar às vitórias" diante dos seus adeptos.

Os 'axadrezados' atravessam uma fase negativa, ilustrada por três derrotas consecutivas, mas o Arouca está num ciclo ainda pior, com sete desaires seguidos, tendo vencido só um jogo e pontuado pela última vez em 03 de setembro, quando visitou o FC Porto (1-1).

Petit está mais focado na sua equipa e ambiciona colocar um ponto final no ciclo negativo que o Boavista.

"Nunca viro à cara à luta. Estou satisfeito com a atitude dos jogadores e não com os resultados, mas temos de ser fortes", disse.

"Custa chegar com a tristeza de não ter conseguido os três pontos", reforçou.

Petit admitiu também que os resultados negativos podem ter criado "um pouco de desconfiança" entre os jogadores, observando, porém, que "são ciclos" pelos quais passam todas as equipas.

"Em alta competição, os erros custam muito caro e com o plantel todo disponível somos uma equipa muito mais forte", acrescentou, frisando que há "muita juventude" no plantel e que este podia ser "mais competitivo" em certas posições se tivesse outro tipo de opções.

O Boavista tem cinco jogadores indisponíveis por lesão e quatro que, por razões clínicas, estão em dúvidas para este jogo e isso, para Petit, são "dificuldades" acrescidas, mas ainda haverá mais um treino que poderá trazer boas notícias.

César, Dabo, Luís Santos, Reisinho e Sasso são os indisponíveis. Bozeník, Martim Tavares, Rodrigo Abascal e Salvador Agra estão ainda em dúvida.

O que o treinador 'axadrezado' quer é que os jogadores que vão defrontar o Arouca estejam a "cem por cento" para poderem "dar uma boa resposta".

O treinador boavisteiro cumpriu esta semana dois anos no comando técnico do Boavista e a melhor forma de comemorar a data será "ganhar" no domingo, pois tal seria "um sinal de que a semana foi positiva e o trabalho bem feito".

"É uma marca boa para mim, mas mais importante é amanhã entrarmos com a ambição para conquistar os três pontos", destacou Petit.

O treinador vê no Arouca uma equipa com "qualidade", que "há três, quatro meses estava a jogar na Liga Europa e que tem um plantel construído para ser mais competitivo", afirmando que por isso "há que desconfiar um pouco do adversário".

Tem sido noticiado que o lateral direito Pedro Malheiro poderá sair para o Benfica e Petit respondeu com um "não sei" acerca do futuro do jogador.

O Boavista, nono classificado, com 15 pontos, e o Arouca, 18.º, medem forças neste domingo, às 20.30, no Estádio do Bessa, no Porto, num jogo que será arbitrado por Tiago Martins, da Associação de Futebol de Lisboa.

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório