Meteorologia

  • 20 JUNHO 2024
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 22º

Missão portuguesa vai a jogo com 206 atletas nos Jogos Europeus

A comitiva portuguesa aos Jogos Europeus Cracóvia2023, que arrancam na quarta-feira, ascende a 206 atletas, com 89 oficiais a colocarem o número total de representação lusa perto das três centenas na Polónia.

Missão portuguesa vai a jogo com 206 atletas nos Jogos Europeus
Notícias ao Minuto

09:32 - 19/06/23 por Lusa

Desporto COP

A maior missão portuguesa de sempre, reconhece o Comité Olímpico de Portugal (COP), apresenta uma delegação de 295 pessoas, entre 89 oficiais e 206 desportistas, competindo por medalhas em Cracóvia e na região da Malopolska até 02 de julho.

Ao todo, são 106 atletas masculinos, 51,5% dos convocados, e 100 femininos os que participarão em 109 eventos de medalha, entre 53 masculinos, 47 femininos e nove mistos.

Portugal compete em andebol de praia, atletismo, badminton, boxe, breaking, canoagem (slalom e velocidade), ciclismo BTT, esgrima, futebol de praia, judo, karaté, muaythai, natação artística, padel, pentatlo moderno, râguebi sevens, taekwondo, ténis de mesa, teqball, tiro, tiro com arco e tiro com armas de caça.

Os eventos multidesportivos agregam competições de diferentes níveis de exigência e experiência, com Cracóvia2023 a reunir provas que representam Campeonatos da Europa, outros oportunidades de qualificação olímpica para Paris2024 e alguns 'apenas' o prestígio de vencer esta prova, que vai para a terceira edição e terá a presença de 30 olímpicos por Portugal.

Assim, não é de estranhar uma amplitude de idades que vai dos 15 anos, de Joana Rosa, membro da seleção de natação artística, ao decano João Costa, que aos 58 anos conta já com cinco participações em Jogos Olímpicos no currículo, o mesmo número do canoísta Emanuel Silva.

Ao todo, 45 dos atletas convocados já estiveram pelo menos em uma das duas edições anteriores, com 46 lusos da lista integrados no projeto olímpico, perto de 22,2%, num evento que inclui modalidades do programa de Paris2024 e outras que não fazem parte.

A maior comitiva por modalidade é a do atletismo, com 43 atletas que vão lutar pelos pódios nas suas disciplinas mas também disputam, por Portugal, o Europeu por equipas, na qual a seleção 'joga' a manutenção entre a elite continental.

Segue-se o râguebi sevens (26), com seleções masculina e feminina, e depois as modalidades de praia, o futebol e o andebol de praia, ambos com 24, uma dúzia para cada equipa por género.

No outro extremo, três participantes levam a solo a bandeira do 'seu' desporto e 'agradecerão' a companhia de outras modalidades, no caso Bernardo Atilano, único luso apurado para o Europeu de badminton que aqui se joga, Vanessa Farinha, no breaking, e Nuno Carneiro, no tiro com arco.

De entre 89 clubes representados (e há atletas que não estão filiados em nenhuma agremiação), destacam-se os dois 'grandes' de Lisboa, o Benfica, com 30 convocados, e o Sporting, com 27.

Os rivais compõem quase toda a equipa de atletismo, com 20 para 'águias' e 18 para 'leões', num pódio por clubes completo com o Sporting de Braga, que 'cede' 12 à missão multidesportos.

O andebol de praia, de resto, faz 'disparar' para o top 5 dois clubes menos esperados, o Leça, com nove, e Os Tigres, com sete, todos nesta modalidade.

Os Jogos Europeus Cracóvia2023 arrancam na quarta-feira e decorrem até 02 de julho em Cracóvia e na região polaca de Malopolska, com 30 modalidades no programa e 48 países participantes.

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório