Meteorologia

  • 02 MARçO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

"Já fui ao Jamor como adepto e capitão. Quero ir como treinador"

Artur Jorge disse hoje querer muito estar como treinador na final da Taça de Portugal de futebol, depois de ter estado como adepto e jogador do Sporting de Braga, o que pode 'carimbar' na terça-feira.

"Já fui ao Jamor como adepto e capitão. Quero ir como treinador"
Notícias ao Minuto

18:59 - 24/04/23 por Lusa

Desporto Artur Jorge

Na primeira mão das meias-finais, há duas semanas, na Madeira, o Sporting de Braga goleou o Nacional, da II Liga, por 5-0 e garantiu praticamente a presença na final da Taça de Portugal, que será a quarta dos minhotos nos últimos oito anos.

"Diz-me muito [sobre o crescimento do clube]. Já estive no Jamor duas vezes como adepto, estive também como atleta e como capitão [em 1998] e quero muito estar como treinador. O crescimento que temos vindo a ter faz com que possamos ter equipas para lutar mais vezes por títulos e decisões. Temos tido uma presença não tão constante como gostaria, mas que tem sido marcante nos últimos anos", disse.

Tendo em conta os números desse triunfo e a equipa estar envolvida na luta pelos primeiros lugares do campeonato, o treinador admitiu que vai fazer uma gestão dos jogadores.

"Tivemos essa capacidade de criar um resultado confortável no primeiro jogo. Sabíamos que este mês íamos ter sete jogos pela frente e era importantíssimo o compromisso de todos os atletas e todos vão ser utilizados face ao que têm sido os últimos 'onzes' do Sporting de Braga e para poder dar algum tempo de descanso aos que têm sido mais sobrecarregados", revelou.

O técnico frisou que abril "tem sido um mês 100 por cento vitorioso" e que espera "que assim continue até ao final", incluindo a receção ao Portimonense, no sábado, para a 30ª jornada da I Liga.

Sobre o campeonato, o treinador não quis falar, até para o próprio "não perder o foco" do jogo com o Nacional, notando apenas estar "muito satisfeito" com o que os seus jogadores têm feito durante a temporada.

Artur Jorge garantiu "todas as atenções" viradas para o jogo com os insulares, explicando que a ambição dos 'arsenalistas' "não tem nunca como princípio o contexto", mas é antes uma "ambição natural" da equipa "lutar em cada jogo para ganhar".

"Há que retirar o contexto da vantagem de cinco golos, este é um jogo de meia-final que pode dar acesso a uma final, meta traçada no início da temporada", resumiu.

O técnico revelou que Sequeira, recuperado de lesão, será titular.

Sporting de Braga e Nacional defrontam-se a partir das 19:30 de terça-feira, no Estádio Municipal de Braga, num jogo que será arbitrado por João Gonçalves, da associação do Porto.

Leia Também: Filipe Cândido garante seriedade em eliminatória "praticamente resolvida"

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório