Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2022
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 16º

Odysseas indiscutível e o resto a rodar. O resumo das águias nas seleções

Nenhuma lesão foi relatada neste período, que fica inevitavelmente marcado pela renúncia de Rafa Silva à seleção nacional.

Odysseas indiscutível e o resto a rodar. O resumo das águias nas seleções

A paragem provocada pelas seleções já acabou e Roger Schmidt pode, por fim, voltar a contar com todos os jogadores para 'atacar' a visita ao Vitória SC, agendada para sábado e referente à 8.ª jornada da I Liga. Depois de quase duas semanas com vários jogadores de fora por estarem ao serviço das respetivas seleções, a melhor notícia para o treinador alemão é que não existiram quaisquer lesões conhecidas neste período de ausência. 

No entanto, esta paragem também fica marcada pela renúncia de Rafa Silva à seleção nacional, uma situação que motivou muita polémica ao longo dos últimos dias. Em jeito de resumo, nenhum dos internacionais foi sujeito a grande carga de minutos, tirando Odysseas, que completou os 180 minutos disputados pela Grécia. Mas vamos caso a caso. 

João Mário (Portugal) 

O médio do Benfica voltou a ser convocado por Fernando Santos e participou nos dois jogos, frente a Chéquia e Espanha, pese embora sem grandes minutos nas pernas. No total, foram 23'. 

António Silva, Henrique Araújo, Paulo Bernardo e Samuel (Portugal sub-21);  

Todos eles jogaram 45 minutos na vitória diante da Grécia (4-1), em jogo particular disputado na Covilhã. No entanto, Henrique Araújo e Paulo Bernardo ganharam mais pontos porque... marcaram.

Otamendi e Enzo Fernández (Argentina)

O experiente defesa central foi titular na vitória diante as Jamaica (3-0), depois de ter sido riscado no jogo anterior, frente à Jamaica. Por seu turno, Enzo estreou-se na seleção principal alibiceleste, deixando boas indicações, tendo sido suplente utilizado em ambos as partidas (26' e 34'). 

Odysseas Vlachodimos (Grécia)

Já com a subida assegurada, Odysseas não deixou de ser o guardião titular nos dois jogos da Grécia realizados neste período. Completou os 90 minutos de ambos e sofreu dois golos. 

Fredrik Aursnes (Noruega)

Depois de ter sido titular no último jogo do Benfica, Aursnes foi suplente utilizado na visita à Eslovénia - entrou aos 70 minutos - e titular na receção à Sérvia - saiu aos 57 minutos. Em ambos os jogos, não evitou as duas derrotas da Noruega. 

Alexander Bah (Dinamarca)

Em claro crescendo no Benfica, Bah também somou apenas um minuto na seleção dinamarquesa. Depois de ter ficado no banco frente à Croácia, o lateral direito entrou já em período de descontos, no triunfo diante da seleção francesa. 

Diego Moreira (Portugal sub-19)

O jovem extremo tem estado ao serviço da equipa B, mas treina às ordens de Roger Schmidt, e foi chamado para integrar a convocatória dos sub-19, tendo participado nos três jogos particulares. Foi titular diante França (61') e Finlândia (60'), ao passo que foi suplente utilizado ante a Sérvia (35').

Leia Também: Benfica repudia castigo a Henrique Araújo: "Uma decisão inaceitável"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório