Meteorologia

  • 24 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 6º MÁX 14º

Edição

"Mercado? Queremos que os adeptos saibam que temos uma ideia muito clara"

Treinador do Sporting fez a antevisão ao duelo contra o Vizela.

"Mercado? Queremos que os adeptos saibam que temos uma ideia muito clara"

O Sporting dá, no domingo, o pontapé de saída na segunda volta do campeonato português com uma deslocação a casa do Tondela.

Na antevisão a este encontro da 18.ª jornada da I Liga, o treinador Rúben Amorim destacou que este será uma partida muito diferente daquela que deu início ao campeonato em agosto.

Sobre o mercado de transferências, o técnico dos verde e brancos sublinhou que os jogadores que chegarem são apostas para o presente e para o futuro.

Fique com o essencial das declarações de Rúben Amorim:

Dificuldades em escolher o número 6 face às boas exibições do Ugarte: Ele já provou que está pronto para ser o 6 este ano. Dormimos mais descansados porque o Palhinha no ano passado teve um desgaste muito grande. Se falhar o Palhinha, este ano estamos mais descansados. Foi uma grande contratação.

Segundo lugar é um desafio no crescimento da equipa? Sem dúvida. É desconfortável, não pelo último resultado, porque pode acontecer, mas todos acabaram o jogo e sentiram que podiam dar mais. É uma situação diferente. Temos de pensar jogo a jogo porque muito vai acontecer ainda. Temos de pensar em o Vizela e não mais do que isso.

Indisponíveis para o jogo: Porro não está e não sei quando vai estar. O Jovane começou agora a incorporar os exercícios. É o jogador que nos faz falta.

Tabata suplente de Paulinho? Depende do jogo. Temos o TT e o Pablo que já fez a posição. O Tabata até pode jogar como lateral. Temos várias opções. Há o Rodrigo Ribeiro e o Chermiti. Estamos atentos a toda a gente. É uma opção para jogar a falso 9, assim como o TT, o Pablo e o Pote.

Pote sem golos: Quero é que aumente a agressividade na pressão e os golos vão aparecer. É um jogador que nos dá muito mais do que golos. Ele tem de continuar a trabalhar porque os golos vão aparecer.

Equipa mais forte à entrada para a 2.ª volta: É o FC Porto porque está em primeiro, marca muitos golos e sofre poucos. Vive um bom momento.

Tabata de saída? Não vou estar a comentar o que sentiria por perder um jogador para ter outro. Passaria por mim e seria um pouco hipócrita dizer o que estou a sentir. Vamos fazer o que achamos que é melhor para o grupo. Há jogadores que esperámos para os ter aqui e o Paulinho foi exemplo disso. Queremos que os adeptos saibam que temos uma ideia muito clara, não é por perdermos ou ganharmos um jogo que nos vamos desviar do caminho. Olhamos para a formação e para jogadores com fome e talento que psosam vir ajudar de acordo com as nossas necessidades. Estou muito satisfeito com o nosso grupo.

Golos sofridos nos últimos jogos: Também fazemos essa avaliação, houve outras equipas que já fizeram o mesmo. Nós próprios utilizamos isso, quando nos pressionam na frente sabemos explorar bem a profundidade dos adversários. Os golos do Portimonense já aconteceram com o Moreirense e com o Tondela. Tentamos trabalhar isso, mas temos de levar as bolas com os centrais para a frente. Melhorámos no ataque posicional, e isso leva-nos para a frente. No golo do Patric, temos quatro defesas e ele aparece de trás. Isso é falta de concentração. Os golos foram sem hipóteses para o guarda-redes. Temos de voltar a níveis de agressividades maiores.

Sporting precisa de reforços: Aqueles jogadores que vieram são a pensar no presente e no futuro. Não sei se vem alguém, o único que desmentimos foi o Vitinha do Braga. Não vamos estar a comentar jogadores. A nossa ideia é melhorar o plantel tendo a forma que olhamos sempre para o mercado. Quem vier será a pensar nesta época e nas próximas. Vamos fazer o que é melhor para o grupo. Temos a ideia clara do que queremos.

Derrota com o Santa Clara pode pesar neste jogo: Todos os jogos são perigosos porque, se olharmos para a classificação, os nossos rivais estão fortes e perdem poucos pontos, como nós. Temos que vencer e jogar melhor. Temos de ser mais agressivos do que com o jogo com o Santa Clara. Olhámos para o Vizela, mas também para aquilo que temos de melhorar. Sofremos tantos golos em duas jornadas como nas outras e isso é algo que temos de olhar. As derrotas chamam-nos a atenção para essas coisas. Tivemos uma desvantagem maior para o primeiro classificado ainda este ano, com jogos da Liga dos Campeões a meio, e soubemos dar a volta a isso.

Diferenças entre jogo da primeira volta e este: Espero um jogo difícil. Em relação ao jogo da primeira jornada, o Vizela está melhor. Não é a estreia deles. Fizeram bons jogos e a equipa cresceu, assim como cresceu o Sporting. Jogamos de uma forma diferente em certos aspetos. Espero um jogo ainda melhor do que aqui em Alvalade, mas que tenha a vitória do Sporting Precisamos de vencer, é a nossa obrigação, para manter a nossa posição e tentar algo mais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório