Meteorologia

  • 24 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 6º MÁX 14º

Edição

Mário Silva quer trabalho de "continuidade" no Santa Clara

O treinador do Santa Clara, Mário Silva, afirmou hoje que vai desenvolver um trabalho de "continuidade" à frente da equipa açoriana, antes da estreia no comando técnico, frente ao Tondela, na 18.ª jornada da I Liga de futebol.

Mário Silva quer trabalho de "continuidade" no Santa Clara
Notícias ao Minuto

16:07 - 15/01/22 por Lusa

Desporto I Liga

Em conferência de imprensa, no estádio de São Miguel, em Ponta Delgada, o novo treinador do Santa Clara afirmou que está a desenvolver um trabalho de "continuidade", porque "não fazia sentido ser de outra forma".

"As coisas estão a correr bem e não fazia sentido eu chegar aqui e querer mudar tudo em tão curto espaço de tempo", afirmou.

E acrescentou: "Não fazia sentido, nem era inteligente da minha parte fazer as coisas de outra forma. É lógico que já coloquei algumas das coisas em que eu acredito que posso acrescentar à equipa, mas, acima de tudo, manteve-se a base e a nossa forma de trabalhar".

Na segunda-feira, Mário Silva foi apresentado como treinador do Santa Clara, tornando-se o quarto técnico a assumir o comando dos açorianos esta temporada.

"Como vocês sabem, a equipa técnica que estava, felizmente, manteve-se comigo. Foi igualmente para mim uma agradável surpresa, pelo facto de, não só serem excelentes profissionais, como pessoas que me receberam muito bem", afirmou.

Nos últimos três jogos, o Santa Clara foi orientado pelo interino Tiago Sousa (que vai continuar a fazer parte da equipa técnica), tendo somado uma derrota, com o Paços de Ferreira (2-1), e vitórias diante Vitória de Guimarães (1-0) e Sporting (3-2).

"Depois de uma vitória histórica acho que é importante, e já o transmiti aos jogadores, entrarmos com humildade e pensarmos que o que aconteceu na semana anterior foi única e exclusivamente uma excelente vitória", assinalou, referindo-se ao triunfo frente aos 'leões', na última jornada.

O treinador disse "não ter nada a provar aos outros", mas salientou que pretende "agradecer a confiança" que a administração do Santa Clara depositou nele, com "trabalho, humildade e ambição".

O técnico, de 44 anos, disse ter encontrado um "grupo forte, "unido" e "muito trabalhador".

"Não me surpreendeu porque as informações que tinha eram essas mesmas, mas fiquei muito satisfeito com a forma com que diariamente [os jogadores] se aplicam no trabalho. E isso é meio caminho andando para termos sucesso", realçou.

O treinador disse que no embate com o Tondela "não são só três pontos" que estão em disputa, uma vez que um triunfo pode representar a quarta vitória consecutiva em casa e a segunda seguida no campeonato.

"Vai ser um jogo difícil. O Tondela é uma equipa muito bem organizada nos vários momentos e tem como principal arma a transição ofensiva. Temos, com as nossas armas, de contrariar isso" destacou.

O Santa Clara, 14º. Classificado, com 16 pontos, vai receber o Tondela, 13º. também com 16 pontos, no domingo, às 14:30 (15:30 em Lisboa), no estádio de São Miguel, nos Açores.

Leia Também: Treinador diz que Tondela vai a casa do Santa Clara "com humildade"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório