Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

"Batemos no fundo". Ainda assim, Solskjaer recusa pedir a demissão

Treinador assumiu que este "é o dia mais negro" desde que chegou ao Manchester United.

"Batemos no fundo". Ainda assim, Solskjaer recusa pedir a demissão

Ole Gunnar Solskjaer garantiu, ao final da tarde deste domingo, que recusa demitir-se do comando técnico do Manchester United, apesar da pesada derrota sofrida na receção ao Liverpool, por 0-5, que deixou a liderança da Premier League ainda mais longe.

Em declarações prestadas na zona de entrevistas rápidas da estação televisiva britânica Sky Sports, o treinador norueguês assumiu que este "é o dia mais negro" que já viveu desde que chegou a Old Trafford, e assumiu total responsabilidade por este resultado.

"Podem olhar para a passada temporada, quando perdemos com o Tottenham, por 1-6, mas isto é muito, muito pior. É muito pior para mim, enquanto adepto do Manchester United. Só tenho a dizer que temos de ultrapassar isto o mais rapidamente possível", afirmou.

"Eu cheguei demasiado longe, e nós, enquanto grupo, chegámos demasiado longe. Estamos demasiado perto para desistir agora. Será difícil, os jogadores estão em baixo, mas, aqui, há muita personalidade. Sabemos que batemos no fundo", completou.

Leia Também: Salah 'matou', Diogo Jota 'esfolou'. Manchester United humilhado em casa

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório